A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

15/04/2014 11:12

Paixão de Cristo será encenada em paróquias e comunidades da Capital

Luciana Brazil
Jovem se prepara para interpretar Jesus na Paróquia Sagrado Coração de Jesus. (Foto: Aqruivo) Jovem se prepara para interpretar Jesus na Paróquia Sagrado Coração de Jesus. (Foto: Aqruivo)

A Paixão de Cristo, um dos momentos mais importante para a fé católica, leva milhares de fieis a relembrar o calvário de Jesus na sexta-feira santa (18). A narrativa dos últimos momentos de vida de Cristo é encenada em algumas paróquias e comunidades da Capital. Devotos se transformam em verdadeiros atores para contar a prisão, condenação, flagelação e morte de Jesus.

Veja Mais
Escritor João Ubaldo Ribeiro morre aos 73 anos no Rio de Janeiro
Grupos de teatro se mobilizam no Paço pela implantação do Sistema de Cultura

Na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, no bairro Santo Antonio, a Via Sacra é encenada há oito anos. Mais de 400 pessoas fazem parte do elenco, e os ensaios já duram mais de dois meses, segundo o pároco Wilson Pereira.

“Na sexta-feira Santa a Igreja propicia este momento de confronto entre as nossas escolhas e as escolhas de Jesus por nós. As dele são opções de vida, e não de morte, enquanto que as nossas nem sempre estão nesta sintonia”, disse.

O padre lembra ainda que este é um tempo “forte para rever e recomeçar novamente a caminhada cristã, partindo do foco da entrega livre de Amor que Jesus faz por nós mediante o sofrimento do carregar a cruz, passar pela cruz, e no terceiro dia nos oferece a vitória sobre os sinais de morte, é a vida nova que nos oferece”, completou.

Neste ano, a encenação na paróquia terá início às 19h30. A entrada é um quilo de alimento não perecível. Uma estrutura com arquibancadas foi montada para receber os fieis. São esperadas cerca de 2 mil pessoas.

Na tradicional interpretação do bairro Moreninhas III, que acontece há mais de 20 anos, até um trio elétrico é usado para contar o sofrimento de Jesus. Os católicos percorrem as ruas do bairro relembrando as 15 estações da Via Sacra.

A representação do flagelo de Cristo começa na comunidade São Pedro e São Paulo, no bairro Moreninhas III e segue até a Paróquia Nossa Senhora Aparecida. São quase quatro quilômetros de distância, segundo um dos organizadores, Anderson Guimarães Gimenes, 21 anos.

Filme Paixão de Cristo mostra prisão, flagelação e morte de Jesus. (Foto:Divulgação)Filme Paixão de Cristo mostra prisão, flagelação e morte de Jesus. (Foto:Divulgação)

Ele conta que há oito anos participa da celebração e, satisfeito diz que desta vez interpretará Jesus. “É uma emoção muito grande. Mostrar o que Jesus passou é evangelizar as pessoas”, disse.

Na Paróquia Nossa Senhora de Fátima, no bairro Monte Líbano, a encenação acontece há 40 anos, como conta o Frei Oscar Lagni. “Já faz parte do calendário da paróquia. São muitos anos encenando e relembrando a Paixão de Cristo”.

Como de costume, os fiéis participam da Celebração da Santa Cruz e em seguida percorrem, em procissão, as ruas do bairro relembrando a Via Sacra, o caminho por qual Jesus passou desde o Monte das Oliveiras, onde foi preso, até calvário, onde foi crucificado.

Neste ano, 60 pessoas farão parte da apresentação. Segundo o frei, cerca de 2,5 mil pessoas devem participar da celebração da sexta-feira santa.

Grupos de teatro se mobilizam no Paço pela implantação do Sistema de Cultura
Coletivos da Cultura de Campo Grande protestaram no final da manhã desta quarta-feira (11), em frente ao Paço Municipal, pela implantação do Sistema ...
Fundação abre inscrições para atrações de MS no Festival de Bonito
A Fundação de Cultura do Governo do Estado abriu inscrições para selecionar espetáculos musicais e cênicos de Mato Grosso do Sul para compor a progra...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions