A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

28/11/2016 19:35

Projeto Judô Nota Dez realiza campeonato com 400 alunos na Capital

Nyelder Rodrigues
Marcio Fernandes ao lado de participantes do projeto criado por ele (Foto: Divulgação)Marcio Fernandes ao lado de participantes do projeto criado por ele (Foto: Divulgação)

Foi realizado no sábado (26) um campeonato na Escola Estadual José Barbosa Rodrigues, em Campo Grande, com participação dos mais de 400 judocas integrantes do projeto Judô Nota Vez, criado em 2007 pelo deputado estadual Marcio Fernandes (PMDB) e que atualmente possui 28 polos na Capital.

Veja Mais
Seduc vence e conquista título de tricampeão do Estadual Sub-17
Maracaju entra na onda do basquete e vai disputar Liga Nacional 2017/2018

Em todo o Mato Grosso do Sul, o projeto conta com 5 mil alunos e possui 54 polos. Durante o evento do fim de semana, os senseis praticaram os preceitos básicos do judô, enisnando a importância do espírito da competitividade, além do respeito com seus adversários, princípios norteados pela filosofia do judô.

"Comecei judô com 5 anos e devo muito do que sou a esta arte marcial, ver vocês aqui hoje me fez reviver minha adolescência, espero que o judô possa contribuir para vocês trilharem pelo caminho certo, assim como contribuiu nas minhas decisões", conta Fernandes sobre sua experiência na modalidade, motivação para criar o projeto.

O Judo Nota Dez tem o objetivo de formar bons cidadãos, oferecendo aulas gratuitas para crianças e adolescentes. O projeto que já rendeu frutos, como é o caso de Valdeir Macedo Martins, que iniciou as aulas no projeto em 2007 como aluno, na Escola Estadual Doutor Plínio Barbosa Martins.

Ele diz que ter conhecido o judô foi um divisor de águas em sua vida, tanto que escolheu a Educação Física como profissão, e a partir do ano que vem fará parte do quadro de professores do projeto Judô Nota Dez.

"Posso dizer que o judô e o projeto são a base da minha vida, foram eles que me ensinaram a ter responsabilidades, respeito e disciplina. Tanto no tatame quanto no meu dia a dia, aprendi a cair para aprender a levantar", comenta Valdeir.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions