A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

18/03/2016 06:23

Com piso colorido, edícula vira área gourmet para uma cozinheira de mão cheia

Paula Maciulevicius
Área gourmet comporta até 40 pessoas. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Área gourmet comporta até 40 pessoas. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)

Os 105 m² que formavam a edícula da casa no bairro Carandá Bosque, em Campo Grande, se transformaram no espaço mais aconchegante da residência. Em quatro meses, a reforma manteve o madeiramento e trocou o piso, usando detalhes de um porcelanato que estampou de colorido a área gourmet. 

Veja Mais
Com filmes não revelados da década de 1950, frei tenta criar museu em mosteiro
Traços da nossa arquitetura, desde o “Gabinete Téchnico de Desenho" na Calógeras

Os donos, um casal na casa dos 50 anos, recebem amigos e familiares com frequência. Ela, cozinheira de mão cheia, havia pedido para a arquiteta um espaço que fosse acima de tudo funcional, bem iluminado e que comportasse o maior número de pessoas ao mesmo tempoApesar do lugar já ter churrasqueira e um freezer de apoio, toda a parte de cozinha ficava para dentro da casa. Um incômodo para quem tem de cozinhar e recepcionar os amigos.

A ideia da arquiteta Camila Tannous, responsável pelo projeto, foi de transformar o varandão em sala de jantar e estar e ampliar a área para abrigar cozinha com churrasqueira, cooktop e fogão à lenha, levando em conta o aproveitamento da luz natural. 

O forro de madeira que permaneceu, ganhou tons de branco, junto de instalação de novas luminárias em LED e ainda ar condicionado para deixar climatizado o espaço. Para fechar a área da piscina, a arquiteta usou janelas e portas de vidro. Quanto às cores e o estilo, a inspiração para a arquiteta veio de um jogo americano de papel, que estampava uma mandala, trazido pela própria cliente de um restaurante de São Paulo.

O antesO "antes"
Era varandão com pequena churrasqueira. Era varandão com pequena churrasqueira.
Reforma levou quatro meses para deixar espaço a cara da dona. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Reforma levou quatro meses para deixar espaço a cara da dona. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)

"Era uma imagem super colorida e ela me disse que se eu conseguisse traduzir esse estilo num espaço. Foi um super desafio", conta Camila. As cores usadas foram para deixar o espaço a cara da cliente. O armário vermelho, as estampas do piso e até a coifa de aço oxidado, detalhes que transformaram o ambiente.

"Ela gosta muito de tijolinho à vista, de cores e daquilo que remete ao antigo, como cerâmica portuguesa. No piso, ela queria algo que remetesse a ladrilho hidráulico, mas também que fosse prático", descreve a arquiteta. O porcelanato "Ceusa" foi a solução.

A decoração veio toda da própria dona, pelo estofado das cadeiras e quadros trazidos de viagens. "A ideia de reunir e integrar todo mundo foi alcançada. Ela realmente usa o ambiente para ela e até mais umas 40 pessoas", exemplifica Camila.

O estilo rústico fica por conta do madeiramento no forro e cobertura, já existente na casa e que só ganhou um mão de tinta branca para dar a sensação de amplitude. Foram em torno de três meses de obra que transformaram o espaço numa área gourmet de querer morar!

Curta o Lado B no Facebook. 

Madeiramento permaneceu e ganhou cor branca para dar amplitude. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Madeiramento permaneceu e ganhou cor branca para dar amplitude. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
Porcelanato imita ladrilho e deixa espaço colorido. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Porcelanato imita ladrilho e deixa espaço colorido. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
Lavabo da área. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Lavabo da área. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
E na cozinha, o vermelho chegou ao armário. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)E na cozinha, o vermelho chegou ao armário. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
Portas e janelas de vidro separam área da piscina. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Portas e janelas de vidro separam área da piscina. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
Marcenaria também traz toques delicados e coloridos. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Marcenaria também traz toques delicados e coloridos. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
Estofado gracioso trouxe charme às cadeiras. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Estofado gracioso trouxe charme às cadeiras. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
Decoração foi feita pela própria dona. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Decoração foi feita pela própria dona. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)
Com itens trazidos de viagens. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)Com itens trazidos de viagens. (Foto: Fellipe Lima - Fotografia de Arquitetura)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.