A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

19/06/2015 20:53

Cia paulista encena na Capital a busca pela desconstrução do cotidiano

Lúcio Borges
Cia do Relativo, traz a Campo Grande o espetáculo. (Foto: divulgação)Cia do Relativo, traz a Campo Grande o espetáculo. (Foto: divulgação)
Cia paulista encena na Capital a busca pela desconstrução do cotidiano

A companhia teatral de São Paulo, Cia do Relativo, traz a Campo Grande neste sábado e domingo (21), às 20 horas, o espetáculo “O Descotidiano”, que será apresentado gratuitamente no Teatro Prosa, do Sesc Horto, no centro da Capital. O grupo já está na cidade, onde fez ainda, ontem e hoje, um workshop de manipulação de objetos não convencionais e improvisação cênica, com seis horas de duração. Todo o evento vem através do projeto Palco Giratório do Sesc (Serviço Social do Comércio).

Veja Mais
Com bugrinhos de Conceição, galeria reúne arte de MS e área ainda atende eventos
Danielle Winits vive Marilyn Monroe em peça que estreia em janeiro na Capital

O espetáculo mostra o ator Otavio Fantinato em cena, como um ser solitário e excêntrico, que busca através da desconstrução de seu cotidiano uma nova motivação para sorrir. Dentro de sua casa, com poucos móveis e sentimentos, ele dá novos significados a objetos do dia a dia: jornais, xícaras, livros e vassouras são manipulados de maneira inesperada, criando situações cômicas e surreais.

O ator também faz uso de bolas de malabarismo clássico para ilustrar essa procura por um novo sentido para a vida. A classificação etária é livre e a peça tem 45 minutos de duração.

O “O Descotidiano” já tem quatro anos de apresentações. Estreado em 2011, criado, dirigido e atuado por Fantinato, já conta com mais de 50 apresentações e teve cenas premiadas.

Oficina

Nos dias 18 e 19 de junho, a Cia ministrou o “Workshop de manipulação de objetos não convencionais e improvisação cênica”, com seis horas de duração, no Teatro de Bolso. O workshop foi ministrado por Otavio Fantinato.

A oficina partiu do ponto de vista da mudança do olhar sobre todos os objetos que nos cercam como possíveis instrumentos de manipulação, estudando o malabarismo clássico e relacionando suas propriedades de giro, contato, equilíbrio, desenho e encaixe.

Os participantes foram convidados a buscar dentre seus próprios pertences e a sua volta objetos que terão seus significados ampliados, com jogos de improvisação. 

Serviço – O Sesc Horto está localizado na rua Anhanduí, 200. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3311-4300.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.