A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

10/08/2015 10:24

Com mais de 2 mil votos, artista Ana Ruas vence prêmio nacional Pipa Online 2015

Paula Maciulevicius
Ana Ruas ganhou na categoria Pipa Online Popular com 2.184 votos. (Fotos: Divulgação)Ana Ruas ganhou na categoria Pipa Online Popular com 2.184 votos. (Fotos: Divulgação)

Pela primeira vez uma artista de Mato Grosso do Sul foi indicada e venceu ao Prêmio Pipa. Ana Ruas ganhou na categoria Pipa Online Popular com 2.184 votos, saindo à frente de outros oito candidatos. O resultado saiu à meia-noite desta segunda-feira.

Veja Mais
Artista sul-mato-grossense concorre a prêmio nacional em votação online
Em clipe de rock alternativo, casal coloca tudo a perder por mensagem de celular

Considerado o mais relevante prêmio das Artes Visuais do País, o Pipa foi criado em 2010 para divulgar a arte e os artistas brasileiros e consagrar quem já estava se destacando por seus trabalhos. Para o prêmio não há inscrições, é preciso ser indicado por um comitê. Ana Ruas foi indicada pela artista Aline Figueiredo. 

Ana Ruas já tinha sido a campeã de votos na primeira etapa do prêmio, quando concorriam 61 artistas. Facilitadora do contato com a arte, levando tanto crianças como adultos a explorarem este universo no ateliê que leva o seu nome, Ana Ruas também trabalha com intervenções urbanas já feitas em viadutos, paredes, muros, museus e galerias. 

Ana Ruas já tinha sido a campeã de votos na 1ª etapa do prêmio, quando concorriam 61 artistas. Ana Ruas já tinha sido a campeã de votos na 1ª etapa do prêmio, quando concorriam 61 artistas.

O primeiro lugar vem com um prêmio de R$ 6 mil e muda e muito o currículo da nossa artista. "Eu considero hoje o Prêmio Pipa como o Google das Artes Visuais, uma referência de busca. A minha visibilidade fora do Estado passa a ter um peso bem grande", destaca.

Junto do nome Ana Ruas vai também a capital onde a artista trabalha e Mato Grosso do Sul. "Através da arte a gente consegue também levar um pouco da cidade e do Estado. O prêmio acaba valorizando não só o meu trabalho, mas chamando atenção para a nossa cidade e Estado", enfatiza.

Nas edições anteriores, o Pipa premiou a artista Alice Miceli, Cadu, MarciusGalan, Tatiana Blass, entre outros grandes nomes. Os vencedores na categoria principal do prêmio participam do programa de residência artística da ResidencyUnlimited, em Nova Iorque.

Os mais de 2 mil votos computados para Ana Ruas, a gaúcha que vive há quase 20 anos em Campo Grande, são vistos com gratidão.

"Recebi esse prêmio com muita felicidade, eu vi o quanto as pessoas se empenharam e foram junto comigo. Escolas que fizeram campanha, grupos de Facebook, de WhatsApp, a imprensa que divulgou em massa. Isso me deixou muito feliz", descreve Ana. O prêmio se espalhou pela rede a ponto da artista perder as contas do número de compartilhamentos.

"Além de ser uma satisfação imensa ter o Pipa no currículo, é um carinho que recebi de muita gente e quero agradecer muito, não tem preço isso. A Pipa é nossa", comemora.

Agora premiada, Ana Ruas já tem programado um curso de desenho que trará a Campo Grande, na "cara e na coragem", sem lei de incentivo algum. Pensando na formação de público e na continuidade das atividades do ateliê, Ana Ruas traz do Rio de Janeiro, André de Miranda, para um curso de desenho.

O agradecimento da artista. O agradecimento da artista.



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.