A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

25/07/2016 16:33

Com nova versão de Trem do Pantanal, Hermanos Irmãos lançam clipe de viagem

Thailla Torres
O trio caiu na estrada em busca de histórias e paisagens que serviram de inspiração para canções. (Foto: Paulo Higa) O trio caiu na estrada em busca de histórias e paisagens que serviram de inspiração para canções. (Foto: Paulo Higa)

Depois de refazer o percurso que Geraldo Roca e Paulo Simões trilharam durante uma viagem em 1975, o trio Hermanos Irmãos lançou nesta segunda-feira (25) o clipe "Caminho das Canções", com a música que é praticamente um hino sul-mato-grossense: Trem do Pantanal. Como a letra da canção, as imagens de agora também foram gravadas em uma viagem de Campo Grande a Machu Picchu no Peru.

Veja Mais
Danielle Winits vive Marilyn Monroe em peça que estreia em janeiro na Capital
Fim de semana tem Naiara Azevedo e contação de histórias

Foram 15 dias na estrada, o que rendeu gravações e uma versão inédita da música. “O Trem do Pantanal é muito marcado pelo arranjo do Almir Sater. E a gente queria dar uma nova cara e ao mesmo tempo essa versão tem muito a ver com a música sul americana”, explica o músico Jerry Espíndola, de 51 anos.

Ao lado dos amigos Márcio de Camillo e Rodrigo Teixeira, pela falta dos trilhos, eles precisaram ir de van até Corumbá. De lá seguiram viagem de trem. Passaram por La Paz na Bolívia, Cusco no Peru e encerram em Machu Picchu. De cada lugar, carregam imagens surreais e mágicas.

“A gente começou a gravar aqui na Estação Ferroviária e durante a viagem gravamos todos os dias. Aproveitando os lugares e toda paisagem. Foram momentos muito divertidos e eu posso dizer que até um registro emocional. Porque faz pouco tempo que Geraldo se foi e ainda estávamos com toda aquela emoção de homenagear e elogiar também o próprio Paulo que pra gente é um ídolo e mestre”, explica Jerry.

A regravação de Trem do Pantanal, tem produção e arranjos do espanhol Carlos Campi, que é produtor de Jorge Drexler, cantor e compositor uruguaio, que conseguiu com a canção "Al otro lado del río" vencer o Oscar de melhor canção original, a primeira em espanhol da história da premiação.

Com violão, guitarra e bateria, o diferencial ficou por conta do trombone e a introdução que ele criou. “É diferente de tudo que eu já tinha visto no Trem do Pantanal. E ficamos muito contentes, com as imagens marcantes que mostram todo o caminho da canção”, diz.

Sobre as futuras canções, Jerry diz que nada ficou definido, mesmo com a viagem inspiradora. “Ainda não tem uma canção definida, porque é um projeto que não tem nenhuma pressa de acontecer. Só que com o Trem do Pantanal, já até pensamos Mercedita e Recuerdos de Ypacarai”, revela.

Confira o clipe com imagens e edição de Paulo Higa e produção musical de Carles Campi Campón.

Curta o Lado B no Facebook.

 




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.