A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

16/08/2016 06:32

Elke Maravilha morre aos 71 anos por complicações em cirurgia

Priscilla Peres
Atriz morreu na madrugada de hoje, no Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação/Estadão)Atriz morreu na madrugada de hoje, no Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação/Estadão)

A atriz Elke Maravilha morreu na madrugada desta terça-feira (16), devido a complicações em uma cirurgia para tratar uma úlcera. Ela estava internada há quase um mês na Casa de Saúde Pinheiro Machado, no bairro de Laranjeiras, no Rio de Janeiro.

Veja Mais
Fim de semana tem Naiara Azevedo e contação de histórias
Descobertos na adolescência, Rafa e Ruan mesclam clássicos e pop sertanejo

Segundo informações do Uol, o irmão da atriz, Frederico Grunnupp, confirmou a informação. "Ela teve complicações após a operação e também tinha diabetes. Ela não estava mais respondendo aos remédios", explicou ele.

O laudo médico ainda não foi liberado, mas segundo Frederico a atriz sofreu falência múltipla dos órgãos por volta da 1h.

Conhecida principalmente por sua irreverência, Elke Maravilha nasceu na Rússia e alcançou fama ao participar como jurada de programas de calouros de Chacrinha e Silvio Santos.

Tornou-se amiga de Zuzu Angel, antes de ser lançada na TV, após conhecê-la em 1970 no salão do cabeleireiro Jambert. A história da estilista foi contada nos cinemas em 2006. No longa, Elke foi interpretada pela atriz Luana Piovani e fez uma participação especial.

Ela, que se considera anarquista, enfrentou a tortura da ditadura e chegou a ficar presa por seis dias. Conseguiu ser libertada por intermédio de Zuzu, que enviou um delegado para tirá-la da prisão.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.