A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

20/02/2015 06:45

Na onda das mudanças, FM 104 anuncia programa de rock e busca novas bandas

Elverson Cardozo
Tiago vai comandar um programa de rádio pela primeira vez. (Foto: Marcos Ermínio)Tiago vai comandar um programa de rádio pela primeira vez. (Foto: Marcos Ermínio)

A nova programação da 104 FM, que sofreu mudanças drásticas abrindo espaço para o sertanejo e funk, por exemplo, gerou, este ano, certa “chiadeira” por parte dos ouvintes. Agora, depois da polêmica, a Rádio Educativa, bancada pelo Governo como projeto cultural, anuncia outra novidade: um programa dedicado exclusivamente ao rock.

Veja Mais
Da droga à reabilitação, Zé Pretim sobe ao palco com banda e repertório afiado
Fim de semana tem cover de Freddie Mercury e Whindersson

É o “Grito do Rock”, que será comandado pelo músico Tiago Além, de 35 anos. A estreia será hoje (20), às 22h. O programa vai ao ar todas as sextas-feiras, das 22h à 00h e, aos sábados, das 20h às 22h.

Ao Lado B, Tiago adiantou detalhes da programação. Nessa primeira edição, ele vai fazer um apanhado sobre o rock'n'roll. “A gente vai fazer um caminho para mostrar como nasceu o estilo, falar das dificuldades e e tocar clássicos. Vou contar a história desde o princípio, mostrando o caminho que foi feito até agora. Geralmente as sextas serão assim”, revela.

A ideia é apresentar – às sextas - um repertório variado para abranger todos os estilos dentro do rock, tanto os de produção nacional e internacional, como os regionais.

Aos sábados, Tiago pretende discutir temas. Neste, o bate-papo será com os músicos da “Lynks”, de Campo Grande, para falar sobre a influência das bandas britânicas no rock'n'roll.

Banda Lynks é a primeira atração do programa de sábado. (Foto: Divulgação)Banda Lynks é a primeira atração do programa de sábado. (Foto: Divulgação)

O grupo, que canta composições próprias em inglês, já chegou a tocar em Londres, a convite. A Lynks é a primeira banda regional, de uma lista que deve aumentar nos próximos dias.

“Criei uma página no Facebok, onde as bandas podem enviar material, que será avaliado. Na medida do possível, vamos colocar no programa”, afirma. Algumas já garantiram lugar na estreia, como a Haiwanna Rrock, Brown Dino, Rivers e Hellmotz.

O Grito do Rock veio para ficar, falar do gênero, divulgar o que é produzido no Estado e, também, desmistificar conceitos. “Um monte de gente pensa que as bandas de heavy metal são satânicas ou tem pactos e tal. Não tem nada disso. Vou falar de como essas bandas nasceram, quais as influências, porque há preconceito em cima do rock, geralmente sobre os mais pesados, o undergroud. E isso é falta de informação”, diz.

Curiosidades não vão faltar. “Vamos contar as verdadeiras histórias, as lendas, as tragédias que aconteceram, como as mortes as mortes prematuras. Estamos fazendo um programa para mostrar como o rock'n'roll influenciou a cultura do mundo, a indústria fonográfica”, acrescenta.

E a cena de Campo Grande, claro, estará presente. Na avaliação de Tiago, “ela existe e é muito boa”. O problema é que muita gente que produz não consegue mostrar o trabalho que desenvolve.

Grito do Rock vai ao ar às sextas e sábados. (Foto: Marcos Ermínio)Grito do Rock vai ao ar às sextas e sábados. (Foto: Marcos Ermínio)

“As rádios não colocam uma banda de heavy metal para tocar porque, a gente sabe, dão preferência para o estilo mais comercial”, observa. Mas isso, se depender dele, vai mudar. “Agora vai ter espaço”, garante.

Perfil – Tiago Além vai atuar como locutor de rádio pela primeira vez, mas ele já tem experiência como produtor de um programa semelhante, o “Tempo do Rock”, que integrava a grade da própria 104 FM.

Ele também trabalhou, durante seis anos, na TV Educativa. Atualmente mantém uma produtora de vídeo e um estúdio de música.

Como músico, Tiago tem cerca de 20 anos de carreira e já passou por bandas de rock conhecidas no Estado.

Fim de semana tem cover de Freddie Mercury e Whindersson
As atrações acontecem no Palácio Popular da Cultura, em Campo Grande. Confira outras dicas da Agenda Cultural....
Filhos e netos, os artistas mais importantes no palco
Escolas particulares de Campo Grande investem em grandes espetáculos para marcar o fechamento do ano letivo....
Sucesso na música depende de Deus ou de dinheiro na conta?
Empresários e produtores do mundo sertanejo estão escondendo o jogo ou são praticamente santos. Todo mundo diz que o negócio é pedir a Deus e ir com ...



O ideal seria um programa diario no inicio da manhã e no final da tarde pois ninguem merece procurar uma alternativa ao sertanejo e nao encontrar, VAMOS SER DIFERENTE
E CRIATIVOS,CHEGA DE MESMICE a radio mudou para ficar igual as outras.
 
Jorge em 20/02/2015 12:32:37
Puxa, que legal termos um programa dedicado ao rock, seria melhor ainda se o locutor só tocasse rock classico e não tivesse conversinha de historia do rock, a influencia do rock britanico nas bandas de Campo Grande?, isso é balelinha, EU QUERO É ROCK e não conversa fiada, mas mesmo assim parabens...
 
Max em 20/02/2015 09:51:48
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.