A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

30/06/2014 06:47

“Chococulto” é um dos eventos criados para solteiros que investem no matrimônio

Elverson Cardozo
Culto reúne, em média, 100 pessoas. (Foto: Eder Andrade)Culto reúne, em média, 100 pessoas. (Foto: Eder Andrade)

O nome, “Chococulto”, desperta a curiosidade, mas a explicação do pastor Jamil Dagher, da igreja MAR (Ministério Apostólico Renovado), que promove o evento em Campo Grande, é sucinta: “É um culto como qualquer outro. O diferencial é que a palavra é para a vida emocional do solteiro e, no final, servimos o buffet”.

Veja Mais
Datilografado, pedido de casamento revelou primo apaixonado em 1980
Super-heroi, Pedro precisa de ajuda para continuar salvando a alegria da família

O buffet, no caso, é à base de chocolate. Tem bombom, bolo, brigadeiro, bolacha, entre outras delícias de dar água na boca. A ideia, conta, surgiu da proposta de realizar um culto diferenciado, que atraísse os solteiros. “Aproveitamos a época do clima frio. Quem não gosta de chocolate, não é?”, questiona.

De chocolate, muita gente. De culto, é outra história, mas, pelo que relata, a iniciativa tem dado resultado. Cada evento tem, em média, 100 pessoas presentes. O último, segundo realizado em dois anos, aconteceu neste final de semana. A tecnóloga de recursos humanos Tamiris Justino Pereira Reis, de 26 anos, participou.

“Hoje sou casada, mas meu namoro começou no primeiro culto. Aprendi a lidar com o casamento porque ele não tem manual. Você chega e leva aquele susto”, comenta.

Banquete é farto depois do culto. (Foto: Eder Andrade)Banquete é farto depois do culto. (Foto: Eder Andrade)

Na visão da jovem, o Chococulto é uma ótima oportunidade para os solteiros. É, também, para os casados. “O aprendizado não para”, sintetiza.

A maioria dos jovens que vão a um evento como esse, dentro da igreja, busca, de fato, um relacionamento sério, fundamentado nos preceitos bíblicos, por isso, a palavra ministrada é sobre relacionamento, vida amorosa, questões e conflitos vivenciados enquanto solteiro e no casamento.

“Nosso intuito é preparar o jovem para que ele possa tomar melhores decisões”, diz o pastor.

SIM - O “Chococulto” é, na verdade, uma das várias ações promovidas pelo Ministério Sim, da mesma igreja. A sigla quer dizer: Solteiros Investindo no Matrimônio.

“A ideia surgiu com nossas próprias dificuldades no início do nosso casamento. Vimos que nos faltou um pouco de orientação sobre a vida a dois”, conta Jamil, que divide a casa e a vida com a pedagoga e também pastora Thalita Ortiz Neves Dagher.

Torre de chocolate na mesa do Chococulto. (Foto: Eder Andrade)Torre de chocolate na mesa do Chococulto. (Foto: Eder Andrade)

Em um blog sobre o evento, o casal compartilha a própria história: “Somos casados desde o dia 20 de abril de 2009 e nessa trajetória, mesmo tendo pouco tempo de casados, já vivemos e passamos por inúmeras situações na qual exigiram de nós grande sabedoria. Diversas vezes parávamos e pensávamos: “Poxa! Porque ninguém nos falou isso antes? ”Pois é! O SIM veio para isso! Para te falar o antes! Para que o depois seja um desfrutar de grandes alegrias na sua vida”, escreveram.

Fora o assunto principal, a página reúne textos como “medo de ficar sozinho”, “solidão e solteirisse”, “inteligência emocional”, “troque dez brigas de casais por apenas uma”, "as cinco linguagens do amor, “quanto aos chatos e críticos” e até “como fazer Nutella caseira”.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.