A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

23/10/2016 07:15

Amor que começou na balada tem ensaio em barbearia para homenagear noivo

Thailla Torres
Barbearia foi cenário para homenagear a profissão do noivo. (Foto: Cícero Roberto) Barbearia foi cenário para homenagear a profissão do noivo. (Foto: Cícero Roberto)

Juntos há 4 anos, Jéssica e Fhelipe começaram de um jeito que pouca gente colocava fé. Tem uma história daquelas de amores improváveis, que a balada uniu. Ela é vendedora, ele barbeiro e agora vão se casar. Antes, os dois foram para o trabalho de Fhelipe, local escolhido por Jéssica para o ensaio pré-casamento.

Veja Mais
Aos 56 anos, Márcia é parceira do filho do tênis de LED ao Pokémon Go
Papai é a estrela, mas Mamãe Noel pode fazer toda diferença no Natal

“Eu nem sabia que estava tão em alta as barbearias, mas ele faz o que gosta e como eu escolhi tudo para o casamento, achei que seria importante ser em um lugar que fizesse parte do nosso dia a dia de um jeito simples. Porque ele se encontrou nessa profissão, assim que foi demitido de um emprego como eletricista”, explica a Jéssica Fernanda Bonafé, de 24 anos.

O casal agora conta os minutos para cerimônia. (Foto: Cícero Roberto)O casal agora conta os minutos para cerimônia. (Foto: Cícero Roberto)
Depois que a balada uniu o casal, valeu até parceria no pebolim. (Foto: Cícero Roberto)Depois que a balada uniu o casal, valeu até parceria no pebolim. (Foto: Cícero Roberto)
Jéssica até fez a barba do noivo. (Foto: Cícero Roberto)Jéssica até fez a barba do noivo. (Foto: Cícero Roberto)

De um jeito simples e divertido, na Barbearia Basílio o casal brinca para as fotos e Jéssica até arrisca fazer a barba do noivo. Ela sempre foi assim, decidida, por isso os dois se conheceram, na balada.

“Eu estava no camarote e ele na pista. Lembro que falei dele para as amigas, não sei porque, mas quando olhei, senti que era ele. Eu decidi dar uma pulseira para ele subir no camarote e a gente acabou dançando e se conhecendo”, lembra.

A amor foi capaz até de mudar a ideia sobre casamento, diz ela. “Eu lembro que nem pensava em casamento e amor que começou na balada veio para me trazer algo diferente. A gente é prova que não existe lugar certo pro amor acontecer né. Tem gente que nem acredita”, conta.

Jéssica já perdeu as contas de quantas vezes ouviu das pessoas que o relacionamento não iria dar certo e hoje o sorriso vem provar o contrário. “As pessoas sempre perguntando como assim? Quando eu dizia que a gente se conheceu na balada, todo mundo dizia que esse amor não ia pra frente e estamos aí há quatro anos juntos”.

O pedido de casamento veio do jeito mais tradicional possível, por escolha dele em respeito a família de Jéssica. “Organizamos um noivado, ele quis pedir a minha mão para o meu pai, se ajoelhou e falou tantas coisas bonitas, até a troca de alianças”, descreve.

E depois do carinho e homenagem ao noivo, Jéssica diz que está sonhando pelo grande dia e em grande estilo. "Eu cuidei de todos os preparativos para ser um momento lindo. Vou casar de limousine e estou contato os dias", conta animada. 

Curta o Lado B no Facebook.

Casal está junto há quatros. (Foto: Cícero Roberto)Casal está junto há quatros. (Foto: Cícero Roberto)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.