A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

11/01/2015 07:12

Campo Grande merece reconhecimento por melhora no atendimento ao turista?

Aline Araújo
Premiação considerou como critérios a capacidade de atendimento da rede hoteleira, do turismo receptivo e dos restaurantes.Premiação considerou como critérios a capacidade de atendimento da rede hoteleira, do turismo receptivo e dos restaurantes.

Em dezembro do ano passado, Campo Grande recebeu do Ministério do Turismo destaque no Índice de Competitividade do Turismo Nacional 2014, por registrar a maior evolução no quesito "Serviços e Equipamentos Turísticos". 

Veja Mais
Datilografado, pedido de casamento revelou primo apaixonado em 1980
Super-heroi, Pedro precisa de ajuda para continuar salvando a alegria da família

A premiação considerou como critérios a capacidade de atendimento da rede hoteleira, do turismo receptivo e dos restaurantes. Na avaliação também estavam sinalização turística, centros de atendimento ao turista, estrutura de qualificação para o turismo e espaços para realização de eventos.

O Lado B aproveitou o período de férias, em que a cidade recebe mais turistas, para perguntar ao campo-grandense: melhorou mesmo?

Há quem diga que a fama do campo-grandense é de não ser lá muito acolhedor. Há quem diga que a fama do campo-grandense é de não ser lá muito acolhedor.
Na rua as opiniões se dividem entre quem concorda ou não com o merecimento.Na rua as opiniões se dividem entre quem concorda ou não com o merecimento.

Há quem diga que a fama do campo-grandense é de não ser lá muito acolhedor e, é fato que aqui sempre é motivo de polêmica encontrar um lugar para realizar um evento, seja de grande ou médio porte.

Na rua as opiniões se dividem, tem gente que acredita que o serviço realmente melhorou, como Maria Godoy de 51 anos. “Melhorou sim, principalmente no atendimento e como encontrar informações. No Centro mesmo tem um posto para se informar” , afirmou a dona de casa.

Anfitriã para 14 familiares, Suely de Matos, de 45 anos, está recebendo hóspedes que dão a ela base para acreditar no merecimento do prêmio. “Melhorou. Nós conseguimos alugar uma pousada com tranquilidade. Todo mundo está adorando aqui”, comentou a agente de saúde.

Já o motorista de ônibus rodoviário Emerson Souza da Silva, de 31 anos, diz que nada mudou. “Não melhorou, tanto que a gente não ganhou a Copa. E também falta hotel, pessoas especializadas pra trabalhar”, desabafa.

Erika Cristina da Silva Correia, de 35 anos, concorda. “Falta muita organização. Campo Grande tem muita coisa bonita, mas turista que vem para cá só que saber de Bonito e do Pantanal”, exclama.

O Índice de Competitividade do Turismo Nacional é uma pesquisa do Ministério do Turismo em parceria com o Sebrae Nacional e a Fundação Getúlio Vargas. O levantamento é realizado desde 2008 e avalia anualmente o nível de desenvolvimento de 65 destinos brasileiros considerados indutores do turismo regional.

O Lado B quer saber o que você acha. Campo Grande melhorou ou não?




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.