A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

11/04/2015 07:56

Celebridades e pegadinhas que deram o que falar nas redes nesta semana

Lado B
Imagem postada pelo Campo Grande News.Imagem postada pelo Campo Grande News.

 

Veja Mais
Datilografado, pedido de casamento revelou primo apaixonado em 1980
Super-heroi, Pedro precisa de ajuda para continuar salvando a alegria da família

A visita do Comendador

De longe o assunto mais comentado nas redes sociais esta semanafoi a visita do Alexandre Nero à Comunidade do Bairro Cidade de Deus. A visita do “comendador” causou euforia entre as crianças e ele postou diversos vídeos em sua página do Facebook. A notícia foi publicada em diversos veículos de comunicação e a repercussão foi grande.
No Campo Grande News, a primeira notícia postada teve mais de 10.000 likes e um alcance de mais de 300.000 pessoas.

 

 

Sistema bruto, rústico e sistemático

O segundo assunto trata-se de uma notícia em que Campo Grande ganhará mais duas casas noturnas que só tocarão sertanejo. Com mais de 100.000 pessoas alcançadas no post do Campo Grande News, foram centenas de comentários. Uns contra:

Celebridades e pegadinhas que deram o que falar nas redes nesta semana

 

E os outros a favor:

Celebridades e pegadinhas que deram o que falar nas redes nesta semana

 

Apontar o dedo é mais fácil!

A terceira colocada no nosso ranking hoje trata-se de julgamento. O que as pessoas realmente querem ver nos noticiários? Pelo teor dos comentários, uma pessoa se redimir é uma matéria ofensiva. Mas gente, o que é o jornalismo? Não estamos aqui para julgar e sim para noticiar fatos.

A reportagem: “Há 4 anos com peso de assassinato nas costas, Cristhiano Luna vira confeiteiro”foi amplamente discutida. Os juízes de plantão julgaram e condenaram o rapaz, o jornal, o jornalista, o social media e qualquer pessoa porventura se pronunciasse a favor da matéria.

A matéria publicada no Campo Grande News teve mais de 120.000 pessoas alcançadas, 150 comentários e 72 compartilhamentos. Direto do portal foram mais de 3.000 compartilhamentos.

Mas, no meio de tanto julgamento, alguém postou um comentário que nos faz parar e refletir.

 

Celebridades e pegadinhas que deram o que falar nas redes nesta semana

 

Da série "a importância de não ler apenas o título”

O preconceito também foi tema do quarto assunto mais bombado esta semana nas redes sociais. É um post sobre uma foto tirada no metrô do rio, que traz um texto bastante interessante.

 

Celebridades e pegadinhas que deram o que falar nas redes nesta semana

 

O assunto deu muito o que falar, mais de uma pessoa se disse dono do texto e a foto foi problemática porque segundo alguns comentários no Facebook, a família de uma das meninas nem sabia que ela tinha relacionamento com outra menina. Leia o texto que deixou a foto famosa:

“Não sou preconceituoso, mas acho um absurdo eu ser obrigado a presenciar uma cena como essa. (...) E eu me recuso a ver uma cena como essa e considerar algo normal. As pessoas deviam se preservar. Estão desafiando as convenções sociais, e isso pode ser perigoso. Como vai ficar a cabeça de uma criança que vê essa cena todo dia?”, questiona o texto na rede social.

Mas, no fim, o próprio autor explica o motivo real de sua revolta: “As crianças vão achar que é normal esperar o metrô em cima da faixa amarela. Então, não faça como aquele cara ali. Siga o exemplo das meninas. Espere o metrô antes da faixa amarela, e só cruze a faixa depois que o metrô estiver parado e com as portas abertas”.

Celebridades e pegadinhas que deram o que falar nas redes nesta semana

 

A Ginga da Primeira Dama

E por fim, no último domingo de Páscoa, Michelle Obama dançou Uptown Funk, hit de Mark Ronson, em um evento contra a obesidade infantil. A primeira-dama americana estava promovendo a iniciativa Let's Move, que incentiva crianças a comerem alimentos saudáveis e é o quinto assunto mais bombado desta semana. Ela tem ginga ou não tem?

 




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.