A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

13/10/2015 06:45

De black tie em casa sertaneja, veja o que grupo de amigos comemora há 10 anos

Naiane Mesquita
Os amigos com a placa de dez anos de amizade (Foto: Arquivo Pessoal)Os amigos com a placa de dez anos de amizade (Foto: Arquivo Pessoal)

De black tie e com uma placa cheia de pompa, o grupo Os Terríveis comemorou mais um ano de vida de um dos integrantes, Igor Nascimento Castro, de 28 anos. A festa no sábado começou na Água Doce Cachaçaria e terminou na Valley. É uma tradição de 12 amigos, que desde 2005 realizam todos os anos o encontro e sempre em homenagem a Igor.

Veja Mais
Aos 56 anos, Márcia é parceira do filho do tênis de LED ao Pokémon Go
Papai é a estrela, mas Mamãe Noel pode fazer toda diferença no Natal

Os amigos e as companheiras em foto oficialOs amigos e as companheiras em foto "oficial"

O encontro reuniu o aniversariante, que hoje mora em São Paulo, além de outros colegas da turma de Direito 2010, da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), no qual todos se formaram.

“Sempre comemoramos na Cachaçaria, desde 2006. Nós fazemos faculdade juntos, nos conhecemos em 2005, então faz dez anos. Por isso, neste ano tivemos a ideia de fazer de um jeito diferente, com smoking”, afirma Igor.

As roupas sofisticadas para a noite campo-grandense atraíram a curiosidade por onde o grupo passava.

“Todo mundo ficou olhando bastante. Na Cachaçaria foi mais estranho porque chegamos aos poucos. Já na Valley foi mais engraçado porque chegamos juntos, o pessoal achou que fosse alguma formatura, mas a gente explicava que eram 10 anos de amizade”, conta o aniversariante.

A primeira reunião ainda em 2006 da turma de amigosA primeira reunião ainda em 2006 da turma de amigos

Atualmente trabalhando na Caixa Econômica Federal, o advogado aproveitou a folga do feriadão para reencontrar os velhos companheiros. Apesar de toda a alegria, vale lembrar que Igor faz aniversário no dia 28 de setembro. “É que como tem gente que mora em Brasília e outros lugares foi à data que deu para reunir todo mundo”, brinca.

A escolha do local ainda é uma herança da época da faculdade. “Era o roteiro. Eu morava em um prédio na Fernando Correa da Costa e sempre era perto. Nos últimos anos começamos a ir a Valley também”, ressalta.

Um dos amigos de Igor, o servidor público Samuel Marcos Abrão, 28 anos, conta que todos os anos o grupo preparava algo especial, uma espécie de mico. Em uma das ocasiões, um senhor que faz mensagens de voz foi contratado para animar a festa e ler algumas mensagens. “Ele vem com a moto toda enfeitada, fala algumas mensagens homenageando ele, animando o pessoal, é bem legal, nós temos uma amizade boa desde o primeiro ano”, explica.

Igor concorda. “Na primeira vez foi um mico, sempre para eu passar vergonha. Agora a gente gosta dele e chama todos os anos”, ri.

Quem pensa que a amizade é restrita aos encontros uma vez ao ano se engana. “Temos vários grupos no whatsapp com as mesmas pessoas, marcamos outros eventos, pescaria. Às vezes não da para marcar no dia do aniversário, mas combinamos quando da para todo mundo”, diz Igor.

Curta o Lado B no Facebook!




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.