A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

20/11/2016 09:31

Ela aceitou o pedido do melhor amigo e acabou ganhando casamento dos sonhos

Thailla Torres
Apaixonados por praia, pedido e casamento foram feitos de frente para o mar. (Foto: Rafael Dalago)Apaixonados por praia, pedido e casamento foram feitos de frente para o mar. (Foto: Rafael Dalago)

De frente para o mar, o calor da areia e brisa leve vieram como um presente. O lugar parece cena de filme e ali na praia Izadora disse sim duas vezes a Ghibson. Melhores amigos, a história evoluiu para a paixão e o amor confirmado em uma cerimônia linda como ela sempre havia sonhado.

Veja Mais
Uber multado, reajuste de ônibus e cidade sob chuva bateram recordes nas redes
Do Corinthians ao canteiro de obra, zagueiro que virou servente tem nova chance

Casada com o melhor amigo. Izadora conheceu Ghibson em 2013 em Campo Grande, durante o show de banda cover de rock. "A gente se conheceu no cover do Metallica, nós dois gostamos de rock e acabamos nos tornando muito amigos. A paixão veio depois e o amor dele me trouxe a vontade de casar", conta IzadoraGazzaneoCorrea, que aos 21 anos já é esposa de Ghibson, de 24.

Ela casou com o melhor amigo. (Foto: Rafael Dalago)Ela casou com o melhor amigo. (Foto: Rafael Dalago)

Foi apenas um ano de namoro, até o jeito romântico dele levar ao pedido de casamento. Sem que ela soubesse, as juras de amor eterno vieram em forma de música, cantada também de frente para o mar.

Ele conta que o casamento já era assunto desde 2014. Mas o pedido nunca chegava, porque ele queria fazer diferente. "Não queria só levar ela numa pizzaria e pedir em casamento em frente a família. Como todo ano a gente vai para a praia, é um dos lugares preferidos dela. Então eu decidi contratar um fotografo e dizer pra ela que a gente poderia fazer um ensaio romântico no praia e ela topou", lembra.

Durante a viagem, todo cuidado foi pouco para que a Izadora não descobrisse as alianças guardadas. No dia do ensaio, durante as fotos, o motivo real de tanta preparação foi revelado. "Quando eu senti que chegou o momento, escolhi um lugar da praia com poucas pessoas em volta", conta.

Para ficar a vontade, fotógrafo manteve a distância enquanto Ghibson bancava o cantor "Peguei o violão, sentamos na areia de frente para o mar e disse que cantaria uma música pra ela. Escolhi a canção "Não Há Limites" do Quatro Por Um. Eu nunca havia cantado a música inteira pra ela. A letra em uma parte da canção fala de casamento", descreve.

Ghibson não conteve o choro antes da noiva chegar. (Foto: Rafael Dalago)
Ghibson não conteve o choro antes da noiva chegar. (Foto: Rafael Dalago)

O pedido sincero surgiu em meio as lágrimas que ele não conseguiu conter. "Eu sou um pouco chorão, comecei falar e já estava emocionado. Principalmente quando ela disse sim".

Do pedido ao grande dia foram 8 meses para o casal cuidar de todos os preparativos. O local escolhido para a cerimônia continuou o mesmo do pedido, São Francisco do Sul, em Santa Catarina. "Eu fiquei sem palavras, porque achei tudo muito lindo, a delicadeza dele e toda preocupação", descreve Izadora.

Quando chegou a ouvir o discurso que casar com o melhor amigo nunca daria certo, ela só buscou fazer o que o próprio coração mandava. "A gente se conhece tão bem que o fato de ser o meu melhor amigo deixou o nosso relacionamento muito mais leve. Ele continua sendo meu melhor amigo, meu companheiro e agora temos um amor único", declara.

A cerimônia foi realizada no dia 12 de outubro na praia, como estava em um dia de sol, tudo acabou combinando. No altar, um prancha de surf e enquanto os convidados aguardavam a chegada dos noivos, água de coco era servida. "Fizemos tudo com amor e o casamento foi ainda mais lindo porque todos que estavam ali são pessoas muito especiais e que abençoaram nosso casamento", diz Izadora.

Apesar de tão jovens, o casal afirma que amizade e as semelhanças vieram para somar na relação. "Além da gente ser muito amigo, ela despertou as melhores coisas que eu tinha mim. Ela me faz querer ser um homem melhor todos os dias", declara Ghibson

Para Izadora, o maridão anda surpreendendo. "Eu não posso negar que fui criada com vó, ele como já morava sozinho, tirou de letra essa história de casar. Tanto que ele é o que mais cozinha e sem esforço", brinca. Sobre tanta pressa de dividir o mesmo teto, a recém-casada não v~e problemas. "Mas sem dúvidas, eu acho que apesar de ter sido rápido, amor é única que não depende de tempo", acrescenta.

Curta o Lado B no Facebook.

Caminho dos noivos depois do sim. (Foto: Rafael Dalago)Caminho dos noivos depois do sim. (Foto: Rafael Dalago)
O carinho da amizade e as semelhanças, vieram para somar. (Foto: Rafael Dalago)O carinho da amizade e as semelhanças, vieram para somar. (Foto: Rafael Dalago)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.