A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

07/07/2013 08:08

Na lista do que levar para a JMJ, carteira de vacinação é uma das prioridades

Mariana Lopes
(Foto: Cleber Gellio)(Foto: Cleber Gellio)

A contagem regressiva para a Jornada Mundial da Juventude já começou, assim como os preparativos da bagagem. Seja peregrino ou voluntário, quem está com passagem comprada para o Rio de Janeiro para participar do evento, que acontece de 23 a 28 de julho, já pode sentir a ansiedade falar mais alto com a proximidade da data.

Veja Mais
No Tiradentes, brasão do Chapecoense surge na rua como uma homenagem do bairro
Com quadros de amigos e fotos do passado, casa de Isac é pura recordação

Mas para fazer uma viagem tranquila e segura, é bom estar atento à mala. E na lista do que levar, uma das prioridades é a carteira de vacinação, que deve estar em dia. A orientação, de acordo com o site oficial da Jornada, vem do Ministério da Saúde do Brasil, que alerta sobre os riscos de contaminação de doenças por causa do grande número de pessoas no evento, vindas de vários países.

A organização da Jornada Mundial da Juventude explica que "a medida não é obrigatória para participar do evento, mas é aconselhada". Ou seja, não será exigido nenhum comprovante de vacinação para as pessoas que embarquem ou desembarquem no Rio de Janeiro durante os dias da jornada, mas é importante que todos estejam imunes com a vacinação. E isso vale também para os estrangeiros.

E tem muita gente em Campo Grande seguindo a orientação e correndo para deixar a carteira de vacinação em dia, como é o caso da estudante Thais Soares Rocha, de 21 anos. Assim que soube do comunicado, se apressou e foi até o Hospital Regional para tomar as vacinas que estavam vencidas.

"Tomei três, a anti-tetânica, a de febre amarela, a Tríplice Viral, contra sarampo, caxumba e rubéola. As de hepatite e gripe eu já tinha tomado no mês passado", contou Thais. Ela relatou que chegou ao hospital e disse que iria para a Jornada Mundial da Juventude e foi bem tranquilo de conseguir se vacinar.

Sobre o evento, a jovem disse que ficou preocupada em estar com todas as vacinas tomadas e acha importante a orientação do Ministério da Saúde. "Vou estar em contato com gente do mundo todo, não sai o que vou encontrar, que doença está em alta nos outros países, é bom se previnir", garantiu a garota.

As vacinas que vem constar na carteira, conforme a orientação do Ministério da Saúde, é de hepatite B (três doses e sem reforço periódico), Tríplice Viral (MMR – sarampo, caxumba e rubéola – dose única e sem reforço), anti-tetânica (dT - três doses, com reforço a cada dez anos) e Febre Amarela.

Prazos - De acordo com as orientações do Ministério da Saúde, o prazo para as vacinas é de até 10 dias antes de viajar. Isso significa que os voluntário, que viajam no próximo dia 15 para Rio de Janeiro, deveriam ter tomado a vacina até o  último dia 4. 

Os peregrinos que embarcam até o dia 23 de julho e vão ficar a semana inteira na capital carioca devem se vacinar até o próximo dia 10. E quem deve ir para a Jornada Mundial da Juventude para passar somente o final de semana, ou seja, que viaja no dia 26, tem até o dia 16 de julho para colocar a carteira de vacinação em dia.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.