A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

11/07/2016 06:25

Nunca o ipê de Tatiana esteve tão belo, até virou motivo de disputa na família

Thailla Torres
Em uma semana, o lugar acabou virando atração pela beleza do Ipê. (Foto: Fernando Antunes) Em uma semana, o lugar acabou virando atração pela beleza do Ipê. (Foto: Fernando Antunes)

É o brilho nos olhos de Tatiana e Hernani que prova o encanto pelo tapete rosa na frente de casa. Há uma semana, o pé de ipê todo florido é a sensação da rua. Além da beleza, a porta de casa virou ponto de parada para quem fica admirado ou aproveita para fazer uma fotografia, como em todas as temporadas de ipês em Campo Grande.

Veja Mais
A pé, Tulia faz percurso de 10 km até biblioteca onde aprendeu a ser feliz
Passada "nuvem negra" que trouxe o câncer, rosa tatuada no braço une 4 mulheres

Morando na Rua 26 de Agosto há quase duas décadas, a professora Tatiana Lopes Leão, de 45 anos, descreve com emoção o florescer mais belo que ela já viu na vida. "Nunca em todo esse tempo ele havia ficado tão bonito. E, por incrível que pareça, é a primeira vez que ele dura tanto tempo", observa. 

Plantado há 10 anos pelo pai de Tatiana, a ideia de ter um ipê veio após a queda de duas árvores que ela tinha na frente da residência. "Essa casa já faz parte da família há 50 anos, antes tinham duas árvores que já estavam apodrecendo. Uma delas caiu e a outra pedimos auxílio para o bombeiro derrubar", descreve.

Ipê virou motivo de orgulho para o casal. (Foto: Fernando Antunes) Ipê virou motivo de orgulho para o casal. (Foto: Fernando Antunes)

Foi um amigo da família, que costuma cultivar mudas, que deu de presente o ipê que ela nem sabia qual cor teria. Quando as primeiras flores surgiram, a árvore virou motivo de orgulho e até disputa entre a família. 

"Foi o meu pai quem plantou e toda vez que alguém fala do ipê ele faz questão dizer que pertence a ele", comenta Tatiana. 

Mas ela também não desiste e deixa claro que entra na disputa."Eu fotografo todo ano, desde que começou a dar flor, e mando para todo mundo. Até a capa do meu Facebook é a foto dele. Na escola eu sempre digo: É o meu pé de ipê", comemora.

A admiração é tamanha que chega gente de todo lado para observar. "Todo mundo passa aqui, a gente fica do lado de dentro só escutando as pessoas comentando, fotografando e até brincando", comenta. 

Durante o estágio florido, a criançada se diverte jogando as flores do chão para alto. Fim de tarde, já foi até cenário para noivas que estão fazendo ensaio. Os vizinhos são os mais entusiasmados e até pedem para Tatiana não limpar a calçada, para que o tapete continue deixando a rua mais bela. 

Mas também já foi alvo de polêmicas para outros moradores. "Esses dias veio uma mulher da imobiliária falando da sujeira. Outro vizinho também reclamando das flores, mas a maioria até pede para a gente não limpar", diz Tatiana. 

Mesmo assim, nada tira o sorriso de quem diariamente se orgulha ao olhar para cima e ver o colorido em contraste com o céu azul. "Espero que no próximo ano ele esteja tão lindo quanto esse, porque a gente nem pensa em mudar daqui, de tanto que a gente lembra do pé de Ipê", finaliza.

(Foto: Fernando Antunes) (Foto: Fernando Antunes)
(Foto: Fernando Antunes) (Foto: Fernando Antunes)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.