A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

19/06/2014 07:46

Site facilita adoção, anunciando de gato abandonado a cão que mordeu 7

Elverson Cardozo
Menino. (Foto: Divulgação)Menino. (Foto: Divulgação)

A imagem de Shaimam, um chow chow de 2 anos e 6 meses, não é lá muito amigável. Os dentes à mostra, na foto de divulgação, denunciam que ele não está de brincadeira, mas, para quem ainda tem dúvida, a dona deixa claro: “Cachorro bravo, já mordeu 7. Precisa de um lar e pessoas que tenham paciência para guarda”.

Veja Mais
Datilografado, pedido de casamento revelou primo apaixonado em 1980
Super-heroi, Pedro precisa de ajuda para continuar salvando a alegria da família

Já a aparência de Menino, um vira lata de pelagem branca, é de tranquilidade e bondade. “Ele ficou uma semana morando na rua. É muito carinhoso e mansinho”, garante a atual tutora, Meire Adriana Pasquini.

Mag, uma siamês cinza, com um par de lindos olhos azuis, também tem uma história triste. A gatinha foi abandonada por sua dona e entregue para eutanásia em uma clínica veterinária. Os profissionais se recusaram a fazer o procedimento, claro, e, deste então, a bichinha está esperando um novo lar.

O problema é que isso já tem muito tempo e, até agora, ninguém apareceu: “Pensa ficar 6 meses em uma gaiola? Meu coração partiu. (…) Vamos ajudar?”. O relato é de Bárbara Drielle, uma mulher que se compadeceu com a história da siamês e resolveu ajudar.

Shaimam, o chow chow bravo que já mordeu sete. (Foto: Divulgação)Shaimam, o chow chow bravo que já mordeu sete. (Foto: Divulgação)
Mag foi abandonada pela antiga dona e está esperando um novo lar há 6 meses. (Foto: Divulgação)Mag foi abandonada pela antiga dona e está esperando um novo lar há 6 meses. (Foto: Divulgação)

Shaimam, Menino e Mag são três exemplos de cães e gatos que esperam uma adoção em Campo Grande, no site Procure 1 amigo, portal sem fins lucrativos, composto por ONGs e protetores voluntários de várias cidades do país. Foi criado para facilitar a rotina dos vários abrigos do Brasil.

O site é dividido em categorias: adote um cão, adote um gato, encontrados (para quem achou um animal), perdidos (para quem perdeu um animal) e “casos resolvidos”. O trabalho existe desde 2005, mas poucas pessoas conhecem.

É uma boa opção para quem quer adotar. Na lista de Campo Grande são pelo menos 118 gatos, contra cerca de 60 cachorros. A busca é simples. Basta selecionar a cidade, que animal deseja, e verificar as opções. Há fotos e descrições na maioria. O telefone do responsável pelo anúncio também fica disponível.

Na Capital, as entidades cadastradas são as seguintes: Abrigo dos Bichos, Fiel Amigo, Vira-Latas MS e Cão Feliz. No interior do Estado tem o GAPA (Grupo de Apoio e Proteção aos Animais de Corumbá e Ladário), Animais Abandonados de Cassilândia, Irmandade das Patinhas, em Ponta Porã e Refúgio dos Bichos, Clube do Viralata e Ajude os Animais, estes três de Dourados.

Filhotes também aparecem no Procure 1 amigo. (Foto: Divulgação)Filhotes também aparecem no Procure 1 amigo. (Foto: Divulgação)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.