A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

21/08/2013 18:12

Uma foto comovente e uma história de mãe e filho que merece ser contada

Ângela Kempfer
Nelito com a mãe, 10 dias antes dela morrer. (Foto: Portal Água Clara)Nelito com a mãe, 10 dias antes dela morrer. (Foto: Portal Água Clara)

A foto é tão comovente, que a história merece ser contada. Mostra um filho emocionado, abraçando a mãe depois de 38 anos afastado. Ele não a conhecia e 10 dias depois do encontro, a perdeu novamente.

Veja Mais
Astrologia védica mostra o futuro, mas também ensina a aceitar o destino
Como mágica, o amor encontrou o palhaço e romance vive liberdade em belas fotos

Dona Odilair Cândida de Oliveira Silva morreu na terça-feira passada, aos 67 anos, ao lado do filho, em Água Clara. Nelito, de 42 anos, só conseguiu dar o abraço da foto, graças as irmãs que o localizaram pelo Facebook.

A história foi contada pelo Portal Água Clara e é diga de reprodução por conta dessas ironias da vida.

Os dois se separaram quando o garoto tinha cinco anos, no Paraná. A mãe contou que teve de deixar Nelito com um casal de amigos, por não ter condições de sustentar todos os 4 filhos. Ficou só com as 3 meninas e acabou em Mato Grosso do Sul. Nunca mais teve noticias do filho.

Internada em julho, como pneumonia, a mãe voltou a perguntar do filho e uma irmã de Nelito resolveu fazer mais uma dentre tantas tentativas de encontrá-lo. Digitou o nome completo dele no Facebook, apareceram centenas de perfis, que um a um foram sendo eliminados.

A foto da pessoa com mais semelhanças foi apresentada a dona Odilair. Ao ver, a senhora disse apenas que conhecia o homem, sem se lembrar de onde. Para não criar falsas expectativas, a filha continuou a investigação.

A conversa com o irmão seguiu pela rede social, até que Nelito deu a informação que faltava. "Meu pai faleceu quando eu ainda era criança e a minha mãe não me lembro muito bem, pois a última vez em que a vi eu tinha penas cinco anos."

Hoje Nelito mora em Guarulhos (SP), é pastor evangélico e tem dois filhos. Bacharel em Teologia, ficou com a certeza de que fez a mãe feliz.

Antes de morrer, dona Odilair contou ao jornalista Antonio Paulo Munhoz, do Portal Água Clara: "Queria muito saber como ele ficou, ver o homem que ele se tornou e vejo que com a graça de Deus ele é uma pessoa maravilhosa. Pedia muito ao Senhor que me concedesse a benção de poder abraçar meu filho novamente antes de eu morrer e graças a Deus recebi este milagre".




Essa é minha historia,parece ser de filme, mas aconteceu comigo!
 
Nélito David Da Silva em 27/08/2013 22:23:49
Nossa conheço uma historia parecida com essa, que bom que ela encontrou o filho e o desejo foi conseguido né.
 
Iviane Santos em 22/08/2013 08:30:34
Nossa essa história é muito linda, me emocionei ao lê-la...
 
Amanda Oliveira Martins em 21/08/2013 22:20:05
Parabéns por compartilharem essa matéria simplesmente linda!!!!!!
 
mary em 21/08/2013 21:52:35
Que linda história e parecida com a minha, pois também estou a procura de minha mãe já há algum tempo e não consigo achá-la.... Que bom que eles puderam se ver pela última vez....A última vez que vi minha mãe, eu tinha 17 anos e hoje com 40, não tenho muitos dados dela e então não consigo encontrá-la.
 
Andrea Teixeira em 21/08/2013 20:48:50
QUE HISTORIA MAS LINDA MAS EMOCIONANTE ESSA FAMILIA TEVE SORTE PQ EU TENHO UM IRMAO COM 32 ANOS POR PARTE DE MAE E EU NUMCA VI SEI AONDE MORA E TUDO A UNICA COISA QUE MAS QUERO NA MINHA VIDA E VER ELE ABRACAR E DIZER O QUANTO SINTO A FAUTA DELE;MAS ELE NAO ACEITA ME VER.............................
 
FERNANDA PORTUGAL em 21/08/2013 19:18:55
É CAMPOGRANDENEWS vc me surpreende e me emociona a cada dia com suas publicações. Deus permita que continue assim, imparcial, verdadeiro e humano.
 
Luciano Correia em 21/08/2013 19:11:23
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.