A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

07/06/2012 09:35

Depois de histórias tristes, casal estende a mão e adota família completa

Paula Maciulevicius
A foto é de família. Mesmo posada, os sorrisos saem espontâneos de quem, graças a solidariedade amiga, tem onde morar. (Foto: Pedro Peralta)A foto é de família. Mesmo posada, os sorrisos saem espontâneos de quem, graças a solidariedade amiga, tem onde morar. (Foto: Pedro Peralta)

A casa de Neusa ganhou mais quatro pratos à mesa na hora das refeições e o barulho de crianças pelos cômodos. Há pouco mais de uma semana, ela e o marido trouxeram para dentro de casa uma família completa. Pode-se dizer que adotaram a mãe Simone Ferreira Neri, 31 anos, e seus três filhos: Gabrielly, 13 anos; Pedro, 7 e Jhulia, 5 anos.

Veja Mais
Aos 56 anos, Márcia é parceira do filho do tênis de LED ao Pokémon Go
Papai é a estrela, mas Mamãe Noel pode fazer toda diferença no Natal

O exemplo de solidariedade partiu do casal que já não tem mais filhos morando com eles. Maria Neusa Guaresi, 46 anos, e Idalvan Alves Martins, 53, têm, além de bom coração, histórias de vida de quem deu a volta por cima e hoje estende a mão ao próximo sem querer nada em troca.

Ela sofreu violência doméstica durante 20 anos. Na carteira carregava em vez de fotos dos filhos, resmas de boletins de ocorrência registrados contra o até então, marido. Decidiu se separar há cinco anos. “Até que eu encontrei o amor da minha vida”. Enquanto fala, os olhos de Neusa olham carinhosamente em direção do marido.

Ele sobreviveu às complicações de um AVC (Acidente Vascular Cerebral) e dois anos de recuperação. Aposentado desde 2006 pela doença, foi forçado a trocar a vida ativa que tinha, incluindo viagens, à monotonia de uma casa.

Há dois anos o casal está em uma casa no Jardim Azaléia, onde também funciona uma sobaria à noite, o que motivou a primeira aproximação entre a família e Simone. As duas já trabalhavam juntas no Governo do Estado e para complementar a renda de Simone e de quebra, ajudar Neusa nos afazeres de uma casa grande, ela foi trabalhar na residência fazendo faxina.

Ele sofreu AVC e passou 2 anos em recuperação. Com filhos já adultos, diz que abraçou a causa. (Foto: Pedro Peralta)Ele sofreu AVC e passou 2 anos em recuperação. Com filhos já adultos, diz que abraçou a causa. (Foto: Pedro Peralta)
Ela sofreu violência doméstica, foi acolhida por uma amiga e hoje retribui a mão que já estenderam à ela. (Foto: Pedro Peralta)Ela sofreu violência doméstica, foi acolhida por uma amiga e hoje retribui a mão que já estenderam à ela. (Foto: Pedro Peralta)

Da faxina, Simone também começou a auxiliar na cozinha. Há 15 dias, uma ligação telefônica mudou o destino dessas duas famílias. E pra melhor. “Ela me ligou dizendo que o marido tinha ido embora e ela precisava devolver a casa onde moravam, no Santa Emília. Ela não tinha para onde ir e estava procurando uma casa para alugar”, conta Neusa.

O marido de Simone, padrasto dos três filhos dela, deixou a casa e para a família um prazo de 10 dias para mudar. A mãe conta que chegou a procurar casas, mas não achou local onde o aluguel coubesse no orçamento.

Dias depois da ligação, Simone foi com as crianças até a casa de uma vizinha para fazer faxina. Por acaso Neusa os encontrou no meio do caminho.

“Eu estendi a mão e a menininha pediu benção. Me quebrou ali. Eles queriam me abraçar e eu dei a mão. Fiquei com isso na cabeça e pensei vou lá ver como estão as crianças. Quando eu vi, elas estavam sentadinhas na pontinha do sofá, acoadas, olhando para a televisão”, lembra.

A cena emocionou na hora e emociona Neusa quando ela repete a história. Pegou as três crianças pela mão e levou para casa. “A menininha falava tia, mas como a sua casa é bonita. E já ficaram lá em casa, dormiram lá e no dia seguinte fomos buscar as coisas. Ela disse ainda para mim, tia, hoje é meu dia de sorte”.

A conversa de Neusa com o marido foi surpreendente. Ela com jeitinho pediu a Idalvan, que aceitasse abrigar a família em casa. “Eu estava com medo de falar com ele. Quando eu disse, nunca pensei que ele ia aceitar, me surpreendeu muito. Ele respondeu Deus mandou, vamos abraçar”, diz.

O casal acertou com um vizinho de pegar a caminhonete emprestada para fazer a mudança já no dia seguinte. Idalvan imaginava que ia levar o dia todo. “Você pensa entrar em uma casa que não tinha nada? Só fogão, geladeira, colchão e os três filhos. O fogão estava sem boca, o sofá não tinha como sentar. Não tinha nem o que trazer”. Quando ele descreve a cena que viu ao chegar a casa onde a família morava, as lágrimas correm pelos olhos.

Os olhinhos brilhando já refletem a alegria da pequena Jhulia. Quando mudou para a casa de Neusa, disse que era seu dia de sorte. (Foto: Pedro Peralta)Os olhinhos brilhando já refletem a alegria da pequena Jhulia. Quando mudou para a casa de Neusa, disse que era seu dia de sorte. (Foto: Pedro Peralta)

Durante a entrevista, Simone era só alegria. Os olhos brilhavam ao ouvir da boca de quem estendeu a mão dessa forma, a felicidade do casal em partilhar da família. “Para mim foi maravilhoso. O que ela fez, nunca ninguém tinha estendido a mão assim, de receber uma família com criança que vai fazer barulho, bagunça”, relata

Ao arrumar o quarto dentro da própria casa, Neusa relembra do que fizeram por ela. “Me acolheram também. Quando eu separei, uma amiga tirou a filha do quarto para me dar e eu sou muito grata por ela ter feito isso por mim”.

As crianças assistiam televisão, mas com a chegada da equipe, abriram sorrisos largos e tratou de sentar todo mundo junto para contar da nova casa. A caçulinha, Jhulia também pediu benção quando a equipe chegou. Com os olhinhos brilhando e as mãozinhas postas, depois de ter a resposta “Deus te abençoe”, ela rapidinho dispara a falar. Se refere à Neusa, como Neusinha. “Eu achei bom. Estou em casa, ela é minha tia”, fala toda sorridente.

A mais velha, Gabrielly, é quem entende a situação e a nobreza do gesto da amiga/tia. “Eu gostava de lá, dos meus amigos. Mas eu entendi que a gente tinha que sair, não imaginava não que ela fosse fazer isso”.

A foto é de família. Simone, os filhos, Neusa e o chefe de família, Idalvan em pé. “Eu acolhi ela aqui, com as crianças e me despertou essas coisas gostosas e maravilhosas. Era isso que eu queria compartilhar. Eu já tive muito sentimento nessa vida, de tristeza, revolta. Nunca achei que fosse sentir amor por estranhos assim. E é muito bom”, finaliza Neusa.

“Estou aí e abracei essa causa. Fazer o bem faz a gente se sentir muito bem. Ter criança preenche a casa”, completa o marido.




Mais uma vez nos surpreendemos com a beleza no coração humano. Tudo isso, claro, reflexo do amor de Deus. Que o casal possa desfrutar de todas as bençãos que estão reservadas para quem estende as mãos aos pobres. Com carinho, me despeço.
 
MERCIONE SOUZA em 11/07/2012 11:36:18
Nossa minha mãe fez isso ai.....fiquei sabendo porque me falaram da reportagem mas não acreditei no começo, mas quero dar os parabéns a atitude da minha mãe em relação as crianças que ela adotou ai fico contente e surpreso ao mesmo tempo. minha mãe minha heroína, espero que com a atitude dela, possa abrir caminhos para outras pessoas fazerem algo parecido com o que ela fez. visitem a sobária dela
 
Marone Guaresi de oliveira em 13/06/2012 02:09:56
Parabéns para o casal que acolheu esta família.
E você que se encontra em sua zona de conforto, lembre-se: Não fazer nada, também é uma forma de não fazer o bem.
 
Eric Vinicius em 12/06/2012 09:17:05
Amados Neusa e Idalvam...só posso dizer uma coisa....parabéns...que vcs sejam abençoados grandemente pelo nosso Criador....maravilhoso o que vcs fizeram....gostaria de ter mais informações... endereço ou telefone para que eu possa ajudar tambem...
 
Jeane Cintra em 08/06/2012 06:42:29
Pequenos gestos que faz a diferença na vida das pessoas . Deus de muito amor e paz nesta nova familia ...
 
jaime em 07/06/2012 12:51:58
vc esta de parabens e pode ter certeza que recebera tudo em dobro pela essa sua ação maravilhosa, voces são muitos especiais.
 
0diludio vasques do prado em 07/06/2012 12:03:54
100% sensibilidade = reportagem nota 10!
Paula Maciulevicius já tem "leitores fãns"
 
Caroline Maldonado em 07/06/2012 11:49:23
O bom da vida da gente é que, dentre tantas notícias ruins que estão à frente dos nossos olhos em um computador, tv, ou jornal, nos deparamos com histórias maravilhosamente humanas como essa. Em um mundo cada vez mais MATERIALISTA, onde o TER vale mais do que o SER, ver exemplos de amor e solidariedade como o desse casal nos faz pensar que ainda nem tudo está perdido nesse mundo.
 
Paulo Roberto em 07/06/2012 11:40:03
isso e uma limda familia que e difisio de emcomtrar um,a familia igual a sua
 
karen esteice em 07/06/2012 11:32:08
IDALVAN & NEUSA - Parabéns! O exemplo que vocês deram, nos mostra: " Que a vida só vale a pena, quando a alma não é pequena." Confesso que tenho feito alguma coisa em favor do próximo, mas agora, percebi que tenho feito muito pouco, vou fazer um pouco mais. Espero que vosso exemplo abra o coração de outras pessoas. Vocês fizeram o que JESUS faria se estivesse em vosso lugar. Fiquem com DEUS!
 
DOUGLAS MACHADO em 07/06/2012 11:23:22
Não consegui conter as lagrimas qdo li esta matéria. São situações como essa q me fazem acreditar q Deus existe no coração das pessoas. Nunca perco a esperança nas pessoas. Parabens a esta familia acolhedora q de allguma forma vai ser mais feliz fazendo outras pessoas felizes. Deus abençoe todos!!!!!
 
MARIA NEIDE em 07/06/2012 11:20:06
ola dona neuza me emocionei muita com sua historia que ainda nao conhecia e atitude que vc teve e rara estou muito feliz com sua atitude que deus te ilumine cada vez mas na sua vida isso sim e ser pessoa humana vc pode ter certeza que deus te dara em dobro tudo que vc precisar por vc e uma pessoa muito boa amo sua vida bjs qualquer dia aparereco para conhecer sua nova familia .
 
gyslainne soares carneiro em 07/06/2012 11:11:26
O relato desta história deixou-me muito emocionado. De lições assim é que o mundo está precisando e que esta sirva de exemplo para outras pessoas. Que Deus abençoe vcs sempre... Parabéns Idalvan e Neusa.
 
JOSE OLIVEIRA BRANDAO FILHO em 07/06/2012 11:10:27
Nobre atitude de nobreza........ Que Deus ilumine o caminho de vcs todos ....
 
Max Sander O Lucas em 07/06/2012 11:09:45
Neuza e Ildavan, o q vcs acolheram foi enviado por DEUS. Como é bom abrir o cpogdenews e ler esta historia. E com certeza vcs hj são a familia mais abençoada deste mundo.A alegria estampada no rostinho da Julhia já diz tudo.Q gracinha de anjo.Que DEUS continue iluminando toda a sua familia.E q vcs sirvam de exemplo para muitos q podem fazer o mesmo.bjus pra todos,amei a foto.
 
magali santana em 07/06/2012 10:29:21
Sem palavras! Deus abençoe essa família! Nessas horas vemos que ainda há esperança para esse mundo se tornar melhor!
 
André Serra em 07/06/2012 10:22:30
Caro, Evaldo Candido Moreira, que teceu o comentário anterior, conte-me qual sua "igreja" para que eu nunca passe nem por perto!!!!!!!!!!!!!!
 
Elisangela Cristina Passianoto em 07/06/2012 10:07:48
e umas criancas muinto lindas voces dois estao de parabens por essa atitude que deus de muita luz e forca para esse casal
 
gilberto ferreira de lima em 07/06/2012 10:04:42
Quando vemos coisas assim, so temos que agrade-ser a Deus pois
e um sinal que na vida a jente boa e de bom coração parabéns ao casal,
Que Deus abençoe a todos,
 
Rosilda Oliveira dos Santos em 07/06/2012 10:02:15
DEUS é DEUS. E Sempre Será. Nada Acontece Por Acaso. Tudo Tem o Seu Propósito. Com Certeza , Esse Casal Que Acolheu Essa Familia Será Grandemente Abençoada. Pois DEUS é Justo , e Fiel.
 
Gildo Oliveira em 07/06/2012 10:00:58
Cheguei as lágrimas com a história... Simone e seus filhos ganharam uma família, e amigos... Parabéns a Neusa e ao Idalvan pelo gesto de amor, são atitudes como esta que me faz acreditar que este mundo ainda tem jeito. Que Deus os abençoe sempre!
 
Pricila Procopiou em 07/06/2012 10:00:10
Bom dia a todos. Eu conheço a Neuza é uma mulher incrível.Tem um coração maior que ela. Parabéns pelo gesto e que sirva de exemplos para muitas pessoas. Um mundo melhor é possível basta querermos.
 
marcos vinicio marin em 07/06/2012 09:59:52
Parabéns neusa , me emoccionei vendo a materia, pode ter certeza que vc não esta fazendo para esta família e sim para Deus, e ele saberá te recompensar, ainda existe pessoas boas e solidária como voce, que Deus te abenções, guie o seus caminhos e proteja vc e sua noca familia.
 
Célia Leonel em 07/06/2012 09:53:40
Linda a frase "DEUS mandou vamos abraçar" vamos orar a DEUS que mais pessoas possam ter essa atitude, Amor não se fala, e sim se expressa, e o que esse casal acaba de fazer, nos faz encher o coração de esperança. Idalvam e Neusa sejam abençoados em Nome de Jesus Cristo, que sua dispensa haja sempre fartura, e a luz do Espirito Santo ilumine o caminho de Vocês. Fiquem na Paz!
 
Edilson Corrêa em 07/06/2012 09:06:32
REALMENTE ADMIRO ESTE CASAL. QUE DEUS DE FORÇA SAÚDE E MUITA LUZ
A VOCES. E ELE DARÁ TENHO CERTEZA.
 
jussara soares figueiredo teixeira em 07/06/2012 09:03:29
bonito o gesto dessa familia, conheço um casal que adotou 4 irmãos, ao mesmo tempo. Tambem um gesto de muito grandeza,
 
nelson ferreira em 07/06/2012 07:14:14
Neusa! Você é uma pessoa maravilhosa! Parabéns ao casal pela atitude.
 
Andrea Stahlke em 07/06/2012 07:04:52
Num dia como esse, festa do Corpo de Deus, lendo essa matéria somente posso dizer com toda a Igreja; Graças e Louvores se deem a cada momento ao Santíssimo e Diviníssimo Sacramento". JESUS OBRIGADO, POR CORAÇÕES TÃO GENEROSOS EM NOSSO MEIO, abençoai-os e de a eles sua Salvação!


Jesus, eu Confio em Vós!

Cris
 
Ana Cristina Fernandez em 07/06/2012 06:14:00
NELZINHA PARA MIM NÃO É UMA AMIGA E SIM UMA IRMÃ, AGRADEÇO A DEUS POR ESSE CASAL MARAVILHOSO, QUE É ILUMINADO E QUE DEUS TEM ABENÇOADO TODOS OS DIAS DANDO SAÚDE E PAZ, E QUE ACOLHEU ESSA FAMILIA MARAVILHOSA, VOU APARECER E LEVAR ALGUNS PRESENTES PARA AS CRIANÇAS.
 
ROSELI DA VEIGA SILVA DOS SANTOS em 07/06/2012 05:31:05
PARABÉNS, PARABÉNS, PARABÉNS E PARABÉNS A ATITUDE DESTES DOIS ANJOS QUE APARECERAM NA VIDA DESTA FAMILIA.
 
Adenilson Rebeque em 07/06/2012 04:33:18
nao tente fazer o bem ao proximo porque alguem o fez a voce,mas pelo o amor e pelo espirito de deus,para que tudo va bem e em tudo deus seje glorificado,o senhor jesus deixou na terra uma igreja com sua imagem e semelhanca a ele segui e nao tropecara em pedra alguma,lidar com gente da gente ja e dificil,imagina com as dos outros,busque a deus.
 
evaldo candido moreira em 07/06/2012 02:44:31
q gesto lindo, é maravilhoso poder ver pessoas como esse casal, q já passou por muitas dificuldades ao longo da vida, adotarem e já amarem uma família inteira q é
tão carentes principalmente de carinho de amor...isso dona Neusa e sr. Idalvan tem de sobra...felicidades à família.
 
ILSA RITA SANTA CRUZ em 07/06/2012 01:54:49
Parabenss a dona neuza, ja fui em sua sobaria e é maravilhosoo tudo la, super acolhedor, agora com esse historia estou mais ainda com vontade de ir la, Vou aparecer ai pra comer aquele sobazinho maravilhosooo.. bjusssssss
 
Patricia Miras em 07/06/2012 01:32:18
Matéria linda, sensacional!!!
Li uma vez um pequeno texto que mencionava uma pergunta feita a Dalai Lama: "O que mais te surpreende na humanidade?" E ele respondeu "O Homem (...)"...
Todos os dias me surpreendo com os homens, mas desta vez, minha surpresa foi boa e emocionante, ver esta história mexe com a gente, faz nos sentir pequenos demais.
Parabéns à repórter e à família por este gesto...
 
Wellington Sampaio em 07/06/2012 01:29:36
UM EXEMPLO DE VIDA, PARABÉNS A ESSA LINDA FAMILIA.QUE DEUS ABENÇOE ....
 
Eliane Rosa em 07/06/2012 01:26:05
EMOCIONANTE estória e gesto de amor ao próximo,DEus dará em dobro tudo de bom a familia da dona NEuza,parabens por essa e as outras materias como o a da professora q acolheu os alunos e mae despejados de casa,a dos academicos q rasparam a cabeça em homenagem ao amigo com cancer e muitas outras.
 
MARCOS FELIX em 07/06/2012 01:14:57
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.