A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

17/08/2015 06:28

Legião de mulheres busca o carro cor de rosa vendendo produtos de beleza

Paula Maciulevicius
Da esquerda para direita, Isa é dona do Corolla, Fabiana e Juliana querem chegar lá. (Foto: Fernando Antunes)Da esquerda para direita, Isa é dona do Corolla, Fabiana e Juliana querem chegar lá. (Foto: Fernando Antunes)

Por trás do carro cor de rosa que circula pela cidade, tem uma diretora Mary Kay. Quem dirige, é porque ganhou como reconhecimento pela empresa de cosméticos norte-americana. O veículo vem com seguro e toda documentação quitada e é trocado a cada três anos, isso quando quem está na direção manteve os critérios da etapa.

Veja Mais
Referência em Medicina, cursinho abre inscrições para bolsas de até 100%
Buffet que virou grife tem clima de campo em plena Chácara Cachoeira

Por curiosidade, o Lado B foi atrás de quem dirige e quem quer dirigir o carro rosa e descobriu uma legião de pessoas que trata o negócio como quem segue uma religião de maneira fervorosa.

Diretora Executiva de Vendas Independente Mary Kay, Islainy Borges, tem 34 anos e os últimos 6 deles dedicados à empresa. Bem vestida e cheia de bótons da marca é ela quem dirige o Corolla rosa estacionado em frente ao edifício da Alagoas. O carro veio de presente em 2013, junto com o título de diretora.

"O carro é uma conquista da unidade, a Isa sozinha não ia ganhar nada", enfatiza a diretora. Islainy é conhecida como Isa no mundo "rosa". A entrada dela na empresa foi através do marido. "Eu nunca tinha vendido nada na vida, meu marido que me dizia que eu tinha o perfil de liderança", explica. E de fato, para Isa, ser consultora é bem diferente de ser vendedora.

Isa começou vendendo em Camapuã. (Foto: Fernando Antunes)Isa começou vendendo em Camapuã. (Foto: Fernando Antunes)

A ida dela a um evento a cnvenceu sobre o que era a empresa e como seria a própria franquia. "Comprei o estoque da minha empresa, que são os produtos e abri o negócio", conta. À época, Isa morava em Camapuã e ao chegar à cidade é que lembrou que quase não conhecia ninguém. "Foi aí que comecei a vender para quem me vendia. Eu saía de saia e lenço e todo mundo perguntava onde eu ia, o que era a roupa. Eu aproveitava e perguntava: 'você conhece Mary Kay'?"

Isa explica que elas, as mulheres e mais recentemente os homens, na verda, não funcionam como uma legião, mas sim um grupo que formam as unidades. "O nosso trabalho é ouvir a sua opinião. Eu demonstro o produto e você me fala o que achou", explica.

A marca foi criada nos Estados Unidos, pela empresária Mary Kay Ash, na década de 60 e possui no portfólio de vendas maquiagens, fragrância entre produtos para o cuidado com a pele. No Brasil, ela está desde 1998 e envolve todo um plano de desenvolvimento que eles chamam de "carreira independente", composto por estágios. Aposta nisso para concorrer com marcas que já lideram mundialmente, como a Avon.

Quem entra começa como consultora de beleza independente e cresce quando, além de ter seus próprios clientes, constrói sua equipe de consultoras, desenvolve e forma novas diretoras de vendas independentes. Tudo isso é levado em conta e cada etapa inclui uma porcentagem em cima das vendas daquela unidade. 

O tal carro rosa faz parte do programa de reconhecimento “Troféu sobre Rodas”, que pode ser conquistado por quem já chegou à posição de "Diretora de Venda Independente", a sexta etapa das sete posições. A diretora, quando chega a esse nível, tem dois caminhos: de escolher pelo carro Corolla, Vectra ou Cruze, ou então pegar um valor mensal para comprar o carro que quiser. Dos dois modos, a cor é rosa e na lateral vai o símbolo da marca.

Fabiana, a manicure que largou as unhas para investir na demonstração de produtos. Foto: Fernando Antunes)Fabiana, a manicure que largou as unhas para investir na demonstração de produtos. Foto: Fernando Antunes)
Juliana já subiu para líder de grupo. (Foto: Fernando Antunes)Juliana já subiu para líder de grupo. (Foto: Fernando Antunes)

A empresa usa o reconhecimento como palavra-chave. O carro vem junto de joias e viagens internacionais, mas isso é para poucas.

Islainy já conheceu Bariloche e foi à Dallas, cidade sede da Mary Kay. Diretora sênior independente Mary Kay, Fabiana Silva Souza, de 33 anos, está há 4 meses na atual posição. Ainda não levou o carro, mas já ganhou recompensas, entre elas a de viajar para Bariloche.

As chamadas "bonificações" fazem parte do plano de carreira da consultora que deixou de ser manicure e massoterapeuta para entrar na empresa. "Eu não acreditava no potencial que eu tinha, mas a Mary Kay ensina", explica Fabiana. O ensinar inclui desde falar em público, se vestir, se maquiar e falar dos produtos de beleza.

"E me proporciona a realização que eu buscava há muitos anos. O mundo é rosa quando você trabalha. As pessoas acham que isso é pirâmide e não é. É um trabalho constante. Eu quero ser diretora de vendas e diretora nacional", fala Fabiana sobre a ambição.

No terceiro mês na empresa, Juliana Santana, de 25 anos, era analista de sistemas e fotógrafa. As duas profissões ficaram como coadjuvantes desde que ela já chegou a ser líder de grupo de vendas Mary Kay, a quarta posição na escala. "Não foi por dinheiro, cheguei numa reunião e a Fabiana estava falando de reconhecimento", explica.

No dia a dia ela fala que não vende o produto e nem precisa. "Ele se vende sozinho, é um produto bom, que dá certo", diz. Num comparativo com a profissão anterior, Juliana lembra que em um ano de trabalho, ganhou um panetone. "Nossa empresa é voltada ao reconhecimento. Reconhecimento por palmas, bótons, anel de ouro, viagens, carros..."

O trabalho das consultoras envolve sessões de demonstração do produto, venda e captação de pessoas. O que o trio frisa é que todas têm as mesmas oportunidades e não têm limites para onde podem chegar. "A Mary Kay empodera as mulheres. Quando você fala para uma mulher que ela pode fazer, ela faz", resume Isa.

Isa, na sede da empresa, em Dallas. (Foto: Arquivo Pessoal)Isa, na sede da empresa, em Dallas. (Foto: Arquivo Pessoal)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.