A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

03/06/2014 06:34

Para imagens fofíssimas, novidade é dar bolo confeitado para bebê destruir

Elverson Cardozo
Grande vantagem do smash the cake é a espontaneidade. (Foto: Célia Nazarko)Grande vantagem do smash the cake é a espontaneidade. (Foto: Célia Nazarko)

Smash the cake ou “esmague o bolo”, na tradução literal, em português. Sabe o que é? Um ensaio fotográfico para bebês que completam um ano. A graça, como o nome sugere, fica na destruição de bolos confeitados e, claro, na reação dos pequenos que, geralmente, nunca experimentaram nada igual. A experiência rende registros únicos, encantadores.

Veja Mais
Estilistas criam coleção especial para quem tem algum tipo de deficiência física
Referência em Medicina, cursinho abre inscrições para bolsas de até 100%

Nos Estados Unidos, a brincadeira faz o maior sucesso entre os papais e mamães corujas, mas, no Brasil, isso ainda está virando moda. Em Campo Grande, no entanto, já tem quem faça. A fotógrafa Célia Nazarko fez seu primeiro "smash the cake" este mês.

Clicou Miguel, uma graça de garoto, que ficou todo encantando com um bolo inteirinho só para ele. O menino enfiou a mão na massa sem dó e, quando descobriu que era doce, aí fez a festa. Se lambuzou todo de glacê azul, dos pés à cabeça.

A bagunça gerou uma onda de ataques de fofura e cliques de deixar qualquer um babando. “A mãe ficou babando do lado e, depois, quando viu as fotos, chorou”, conta.

Sessão dura, em média, uma hora. (Foto: Felipe Pellegrini)Sessão dura, em média, uma hora. (Foto: Felipe Pellegrini)
Miguel enfiou até os pés no glacê. (Foto: Célia Nazarko)Miguel enfiou até os pés no glacê. (Foto: Célia Nazarko)

Reação - A grande vantagem de um ensaio assim é a espontaneidade, já que não dá para prever a reação do bebê. Miguel, relembra, estava hipnotizado. O ensaio é destinado apenas a crianças de um ano porque, nesta fase, a maioria ainda está saindo da papinha e, quando se deparam com um bolo, ficam fascinadas pela novidade.

Mas é preciso alguns cuidados. “Tem que ser colorido por causa das fotos, mas não pode ter muito corante, porque pode dar alergia e nem muito melado”, orienta. Mamães que ainda não introduziram o açúcar na alimentação da criança podem encomendar um bolo só com frutas. Fora isso, não há restrições. O bebê pode ser fotografado com qualquer roupa e até de fralda.

Com Célia, a sessão demora, em média, uma hora e é realizada em locações externas, em um parque, por exemplo. A fotógrafa cobra de R$ 1 mil a R$ 1,2 mil pelo trabalho. Esse valor é por ensaios em que os pais providenciam o cenário (tapete, balões, quadros, etc). Se o tema ficar por conta dela, o orçamento começa em R$ 1,5 mil. O bolo é vendido à parte. O mais barato custa R$ 50,00.

Os pais de Miguel, o primeiro bebê fotografado por Célia, só autorizaram a divulgação de fotos que não aparecem o rosto dele. 

Veja, abaixo, alguns ensaios desse tipo. Nos Estados Unidos, além do “smash the cake”, alguns profissionais já fazem o “cake smash clean up”, o pós, que são as fotos do banho.

Para imagens fofíssimas, novidade é dar bolo confeitado para bebê destruir
Para imagens fofíssimas, novidade é dar bolo confeitado para bebê destruir
Para imagens fofíssimas, novidade é dar bolo confeitado para bebê destruir



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.