A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

05/01/2015 06:34

Bar de rock ocupa prédio cheio de histórias, que ficou 10 anos fechado em Jardim

Aline Araújo
Bar de rock para animar os finais de semana em Jardim. (Foto: Divulgação)Bar de rock para animar os finais de semana em Jardim. (Foto: Divulgação)

Não é comum encontrar bares temáticos no interior do Estado, um bar de rock então...Mas o advogado Bernardo Prado e a esposa Larissa Almada Feitosa Figueredo, com 22 e 19 anos, resolveram apostar na ideia em Jardim. Os dois são motociclistas e sentiam falta de um lugar que servisse como opção na cidade, a 233 quilômetros de Campo Grande, assim nasceu o Abiul Botequim.

Veja Mais
Humberto Gessinger, Ludmilla e Whindersson Nunes chegam no fim de semana
Ex-jogador de futebol abre diversão diferente: o jogo de sinuca com os pés

“Queríamos que existisse em Jardim um lugar em que nós gostaríamos de ir. Que tocasse uma música legal, tivesse uma cara legal e que principalmente tivesse cerveja muito gelada, o que é quase impossível aqui. E ai a gente viu que existiam outras pessoas com a mesma vontade que a gente... Que já estavam enjoadas do que existia aqui e resolvemos apostar. E graças à Deus está dando mais certo do que planejamos”, comenta Bernardo.

A inauguração foi no dia 6 de dezembro, o sucesso surpreendeu, 13 dias depois eles tiveram que fechar as portas por uma semana para repor o estoque, um sinal de que a novidade começou com sucesso. 

“Como qualquer estabelecimento, nós nos programamos para nascer pequenos e crescer com o tempo. Só que nós já nascemos grandes porque muita gente esperava um lugar assim em Jardim. Então, para conseguir atender a demanda e com a qualidade necessária nos vimos obrigados a fechar uma semana, psra podermos nos estruturar e atender a todos com qualidade superior”, explica.

Aos finais de semana, o som é ao vivo e vai do rock nacional ao blues.

Do lado de fora, o salão com paredes em vinho nem chama tanta atenção, mas é só ultrapassar a porta para um novo universo se abrir aos olhos de quem gosta do bom e velho rock. O casal planejou por quase um ano a abertura da casa e teve o cuidado de escolher cada detalhe desde a decoração, até as cervejas especiais, são 16 marcas ao todo, novidade para a cidade de 24 mil habitantes.

 

Bernardo e Larissa resolveram apostar em algo que gostam. (Foto: Divulgação)Bernardo e Larissa resolveram apostar em algo que gostam. (Foto: Divulgação)

Prédio da infância - O nome do bar também carrega uma história bem interessante. Abiul é uma cidade portuguesa, onde nasceu o bisavô de Bernardo, de quem herdou o nome. Quando ele veio para o Brasil, foi morar em Aquidauana, que fica a 419 km da Capital. Lá, o português montou uma mercearia chamada Casa Abiul.

Quando a família de Bernardo Feliciano Ferreira foi para Jardim, trabalhar na construção da CER-3 (Comissão de Estradas e Rodagem nº 3), ainda na época da criação do município, ele resolveu montar uma Casa Abiul por ali.

“Aqui era uma mercearia e vendia de tudo, isso no inicio dos anos 70. Meu avô faleceu há uns 10 anos e desde então o lugar estava fechado. Minha avó não queria alugar para ninguém que fosse estranho. Conversamos sobre a ideia e ela nos cedeu o lugar desde que continuássemos a usar o mesmo nome”, relata.

Os motociclistas já transformaram o Abiul em um ponto de encontro, mas o lugar acolhe todos dispostos a ouvir alguma vertente do rock e tomar uma cerveja.

O bar fica na Rua Dr. Ary Coelho de Oliveira, esquina com a 13 de Junho, no cCntro de Jardim, e abre de quarta a domingo, a partir das 20h30.

O bar ficou fechado uma semana para repor o estoque. (Foto: Divulgação)O bar ficou fechado uma semana para repor o estoque. (Foto: Divulgação)
O bar fica no mesmo lugar da mercearia do avô de Bernardo. (Foto: Divulgação)O bar fica no mesmo lugar da mercearia do avô de Bernardo. (Foto: Divulgação)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.