A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

10/04/2016 10:53

Em passeio pela Afonso Pena, grupos mostram a força da patinação

Amanda Bogo
Entre adultos e crianças, grupo aproveitou o domingo para patinar na Afonso Pena. (Foto: Marcos Ermínio)Entre adultos e crianças, grupo aproveitou o domingo para patinar na Afonso Pena. (Foto: Marcos Ermínio)

Membros dos grupos “Galera do Patins”, “Urban Campo Grande” e “Anjos da Noite” aproveitaram a manhã de domingo para mostrar a força da patinação na cidade. Um piquenique na Orla Morena foi o começo da programação que também teve passeio pela Afonso Pena.

Veja Mais
Begèt de Lucena e Mari Depieri são as vozes do Som da Concha de hoje
Festival de Artes começa com público fraco, mas tem vocação para ser resistência

Hudson Tolentim tem 25 anos e é o responsável pelo grupo “Galera do Patins”, que conta com 500 membros, entre jovens, crianças e famílias inteiras, que se reúnem toda terça-feira às 22 horas para patinar da Orla Morena até a Base Áerea de Campo Grande.

“Hoje foi um dia atípico. Como o movimento de domingo não é tão grande, decidimos fazer o trajeto na Afonso Pena. Nossa meta é andar 22 quilômetros e retornar ao ponto de partida”, explicou.

Na modalidade urban, os patinadores tiraram a manhã para enfrentar os obstáculos da cidade. O principal desafio é o trânsito. “Temos dificuldade em conseguir o respeito dos motoristas, mas nós estamos na rua, no espaço deles. Essa situação não acontece só aqui em Campo Grande, em todas as grandes cidades os patinadores tem dificuldade em fazer seus trajetos”, relatou sobre a ausência de espaços especiais para os patinadores.

Hudson diz que o próprio grupo faz o trabalho de segurança para os patinadores. Os membros levam placas de sinalização e um carro vai acompanhando o trajeto. Eles já solicitaram à prefeitura um espaço para realizar as atividades, porém não receberam nenhuma resposta até o momento.

E a passagem deles pela avenida despertou curiosidade. Enquanto a equipe do Campo Grande News conversava com Hudson, o cabeleireiro Sílvio Luiz de Jesus, de 43 anos, se aproximou para pedir mais informações. “Sempre tive curiosidade e interesse em praticar patinação. Fiquei olhando eles andarem aqui e fiquei interessado. Pretendo procurar o grupo ainda essa semana para começar, nunca é tarde”, garantiu.

Segundo Hudson, o grupo oferece as informações necessárias para os iniciantes. “Nós explicamos quais são os materiais necessários para cada modalidade do patins. Lembro que quando comecei, comprei o patins errado. Acho legal explicar para a pessoa qual é o modo correto de começar”, justificou.

Os patinadores também se reúnem para passeios noturnos e aos domingos ocupam locais públicos da cidade. “Não temos um local fixo para nos reunir, mas costumamos ir à Praça do Papa, na Orla Morena e no Parque das Nações”, finalizou.

Outras informações pelo telefone 8112 1698.

Hudson disse que o grupo oferece as informações para quem quer começar a andar de patins (Foto: Marcos Ermínio)Hudson disse que o grupo oferece as informações para quem quer começar a andar de patins (Foto: Marcos Ermínio)
Jovens e crianças fazem participam do grupo e fazem os trajetos de patins (Foto: Marcos Ermínio)Jovens e crianças fazem participam do grupo e fazem os trajetos de patins (Foto: Marcos Ermínio)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.