A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

13/07/2015 20:28

Sebo começa o dia servindo de graça café e pão com manteiga, ao som de vinil

Aline Araújo
A ideia surgiu de uma conversa entre amigos. (Foto: Marcos Ermínio)A ideia surgiu de uma conversa entre amigos. (Foto: Marcos Ermínio)

A ideia é perfeita para quem acordou cedo, ou nem dormiu ainda, e está louco por um café quentinho, acompanhado pelo clássico pão com manteiga. De brinde, vem o som do vinil e uma boa conversa. Assim é o Trilha do Café, um evento para o mês de férias na Subcultura Records.

Veja Mais
Avião de Xuxa faz pouso de emergência após ser atingido por raio
Begèt de Lucena e Mari Depieri são as vozes do Som da Concha de hoje

“Desde que eu abri a loja, sempre quis transformar aqui em um ponto de encontro cultural. A ideia surgiu quando voltava de uma festa com uns amigos e decidi vir para a loja, nos ficamos aqui um tempo conversando sobre música, quando voltei para casa pensei nisso, foi tudo de improviso”, conta Pietro Luigi, de 39 anos, dono da loja que funciona na antiga rodoviária de Campo Grande.

O acervo tem mais de 2mil Lps. (Foto: Marcos Ermínio)O acervo tem mais de 2mil Lps. (Foto: Marcos Ermínio)

A loja, que geralmente abriria às 9h, a partir de amanhã vai funcionar a partir das 7h. Quem aparecer por lá até as 10h vai poder tomar um café, comer um pão e, é claro, escolher a trilha sonora que vai embalar a conversa em um dos 2 mil LPs da coleção de Pietro, armazenados no fundo da loja.

Entre as opções estão clássicos da MPB até rock psicodélico dos anos 70. O cafezinho e o pão são cortesias da loja. Em troca, Pietro só quer uma boa conversa e fortalecer os laços com os amigos que também gostam de trocar ideias e pessoas que ainda não conhecem a loja. 

 

A loja fica na Dom Aquino e vai abrir às 7h. (Foto: Marcos Ermínio)A loja fica na Dom Aquino e vai abrir às 7h. (Foto: Marcos Ermínio)

“Acredito que é um jeito para encorajar as pessoas que tem gostos em comum a fazerem amizades. Eu também posso rever amigos ou fazer novos. E nesse horário é tranquilo, não tem muito movimento, dá para todo mundo conversar com calma. Também é um jeito de lembrar como as pessoas se encontravam para ouvir música antigamente, deixar um pouco o MP3 de lado e compartilhar”, avalia.

O projeto vai durar todo o mês de julho e é só aparecer na Subcultura Records, que fica na Rua Dom Aquino, na Antiga Rodoviária. A loja é um sebo que vende LPs, CDs, livros e produções de artistas do Estado.

 




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.