A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

25/09/2013 14:07

Sem "atração nacional", Almir Sater tocará no MS Canta Brasil de outubro

Lado B
Almir tocará com entrada  gratuita no Parque das Nações Indígenas. (Foto: Divulgação)Almir tocará com entrada gratuita no Parque das Nações Indígenas. (Foto: Divulgação)

O MS Canta Brasil substituiu o nome nacional por dose dupla sul-mato-grossense na edição de outubro. Com a justificativa de que é o mês do aniversário de criação do Estado, a Fundação de Cultura escolheu Almir Sater como atração principal do projeto originalmente criado para mesclar produção nacional e regional.

Veja Mais
Humberto Gessinger, Ludmilla e Whindersson Nunes chegam no fim de semana
Ex-jogador de futebol abre diversão diferente: o jogo de sinuca com os pés

O cantor, que acabou de fazer um show com ingressos por R$ 150,00 no Palácio Popular da Cultura, volta para apresentação de graça no Parque das Nações Indígenas no dia 6 de outubro. O dia terá também Alzira Espíndola.

Segundo o presidente da Fundação de Cultura do Estado, Américo Calheiros, o show integra uma programação especial em homenagem ao 11 de outubro, que terá ao todo 117 atividades até novembro.

No bolo dessa agenda, a maioria será de pequenas ações, com 6 programas de destaque em diferentes áreas, da música à dança.

Para quem esperava uma atração nacional já nesta edição do MS Canta Brasil, Américo garante que em novembro o projeto voltará à essência, com uma banda importante. Mas será a última apresentação do ano, porque em dezembro o foco passa a ser o Natal.

“O nome da banda será divulgado na próxima sexta-feira, junto com toda a programação do aniversário de Mato Grosso do Sul”. As comemorações começam oficialmente no dia 1º.




sou professor na escola da fazenda dele mas nunca vi ele tocando mas vê ser um show.
 
joao pereira da silva em 30/10/2013 15:13:40
Mais respeito com o nome e a reputação de Almir Sater por favor, não se esqueçam esse artista projetou o MS no cenário nacional uma serie de vezes !!!!!!
 
Cleiton Dalastra em 27/09/2013 23:36:12
E precisa de mais renome do que Almir Sater? o show é lindíssimo!!!!
 
Bella Santana em 27/09/2013 11:44:57
Que venha Almir , quero estar o mais próximo possível para vê-lo e ouvi-lo..É uma
grande atração , nacional e internacional e que sempre nos orgulha com seu talento. Para quem teve dinheiro para custear o ingresso a 150,00 ( que não é o meu caso, pois jamais iria sem minha família) foi com certeza muito bem aproveitado, além dos privilégios e tal... Agora é a nossa vez e de outros tantos Sul Mato grossenses de prestigiar ao Almir e a Alzira.
Parabéns aos organizadores!
 
Edna de Souza Olive em 26/09/2013 13:55:15
Quem foi no show do Almir no Palácio da Cultura domingo último gastou muito bem seu dinheirinho, o show foi lindo, um espetáculo!!
 
Neuza Buss em 26/09/2013 12:58:59
Jessica Machado, conheço e aprecio muito nossas músicas e nossos artistas, mas também sinto uma certa necessidade de conhecer e escutar de perto Maria Betânia, Caetano, Gilberto Gil, Freja, Lulu Santos, Zeca Baleiro esses últimos que tivemos a honra de ver no MS Canta Brasil. E disso que estou falando de um projeto que tinha apresentações mensais, um objetivo bem definido e que aos poucos estão acabando. Tinha orgulho de falar que minha cidade trazia esses shows em um espaço maravilhoso, gratuito e dava oportunidade para quem jamais poderia pagar de ver um show com aquela qualidade. Isso se chama oportunidade cultural para todos esse é o papel do governo e de uma secretaria de cultura!
Entendeu?
 
tatiane coimbra em 26/09/2013 10:28:23
Sempre foi e sempre será uma grande atração!
Um grande músico!! Renomado NACIONAL E INTERNACIONALMENTE!!!!!
GRANDE SHOW NACIONAL!!!!!!!
 
Leandro Chida em 26/09/2013 10:21:27
Em momento nenhum quis dizer que Almir Sater ou os Espindolas, não mereçam estar em no MS, quis dizer que precisamos ampliar nossa visão cultural e conhecermos outras coisas, que deve ser bem longo do que foi citado pela Jessica Machado - Luan Santana, Michel Telo, Munhoz e Mariano, representam uma cultural nacional pobre do meu ponto de vista e não me representam. Precisamos conhecer o que os outros ESTADOS ESTÃO PRODUZINDO DE sons de qualidade. Aqui tem muita gente boa sim como esses mencionados PAULO SIMÕES, DELINHA, AURÉLIO MIRANDA, GUILHERME RONDON, MARIA CLAUDIA E MARCOS MENDES, TOSTÃO E GUARANI, DOMBRAZ, KARINA MARQUES, FILHO DOS LIVRES, SAMPRI, MOCHILEIROS, ENTRE OUTROS! Mas até para esses músicos o intercambio entre culturas diversas e muito importante. Entendeu?
 
Tatiane coimbra em 26/09/2013 10:16:00
Jessica Machado MANDOU BENZÁÇO na sua colocação. Sou filha adotiva do MS e APAIXONADA pela música do estado.
 
Alexandra Rocha de Oliveira em 26/09/2013 09:20:20
felipe benites.. .tem um conhecido meu, que faz shows, está tentando negociar com o rappa para o dia 15 de novembro. vamos torcer! também sou fãzona! =D
quanto ao meu primeiro comentário, me equivoquei e escrevi "parenteses" quis dizer "aspas" :)
 
bianca martins em 26/09/2013 08:58:56
Concordo com a Tatiane Coimbra.. Disse tudo
 
Rubinho Moreira em 26/09/2013 08:33:13
Tatiane Coimbra: Vc quer o que? Que volerizemos Teló, Luan Santana, e outras miríades de duplas?! Oras! O "resto" do Brasil faz isso! Temos que valorizar o que é bom, poético, que fala da vida, da nossa região! Vc por acaso já se ateve à poesia da letra de SONHOS GUARANIS?? "E cego é o coração que trai
Aquela voz primeira que de dentro sai
E as vezes me deixa assim ao
Revelar que eu vim da fronteira onde
O Brasil foi Paraguai"
Temos mais é que valorizar sempre!
VIVA ALMIR SATER, PAULO SIMÕES, DELINHA, AURÉLIO MIRANDA, GUILHERME RONDON, MARIA CLAUDIA E MARCOS MENDES, AMÉRICO E NANDO, TOSTÃO E GUARANI, GERALDO ESPÍNDOLA, GILSON ESPÍNDOLA, ALZIRA ESPINDOLA, TETÊ ESPINDOLA, ASSIM COMO OS NOVATOS ANA CABRAL, SAMPRI, KARINA MARQUES!
 
JESSICA MACHADO em 26/09/2013 08:28:06
Gente, as palavras atração nacional está entre aspas!
Logo no primeiro paragrafo do texto já explica o pq...
"O MS Canta Brasil substituiu o nome nacional por dose dupla sul-mato-grossense na edição de outubro. "
O que a manchete quis dizer é que o projeto MS Canta Brasil em outubro será um "MS Canta MS".
 
Juliana G Sousa em 26/09/2013 00:54:22
Onde será que está o botão para "descurtir" quem escreveu a matéria? Almir Satter tem carreira consolidada há muito tempo e é atração certa em qualquer lugar deste país e já representou o Brasil em outros também, portanto é "nacional" e "internacional". Não está na mídia todos os dias tão somente porque não se vende às leis vigentes no meio.
 
Neuza Buss em 25/09/2013 22:36:51
Almir Sater, no meu entendimento é um dos ícones da música sul-mato grossense, o cara representa esplendidamente o nosso estado principalmente numa data festiva como é a que comemora e divisão do nosso estado.
 
jOSÉ DE sANTANA em 25/09/2013 20:21:16
E quer atração melhor? A musicalidade de Almir Sater é tudo de bom. Além de ser cultura de ótimo nível, ele representa muito bem o jeito sul-mato-grossense de ser. Ótima escolha.
 
Daniel Albuquerque em 25/09/2013 19:58:48
O título da frase não se refere ao cantor Almir Sater não ser uma ''atração nacional'', pois isso todos sabemos que é, mas sim porque o MS Canta Brasil não conseguiu atrair uma banda Nacional (Fora do MS), com isso acabaram trazendo o Almir Sater que ao meu ver saíram ganhando bem mais, pois quem não gosta de suas músicas?? Essa foi minha interpretação da matéria. Se estou equivocado peço desculpas
Obrigado''
 
Luiz Afonso Fadul Gonçalves em 25/09/2013 18:03:25
o " atração nacional " está entre parênteses, o que não quer dizer que ele não seja um artista brasileiro, só quer dizer que ele é um artista aqui de campo grande. Interpretação textual. pfffffffffff
 
bianca martins em 25/09/2013 18:00:31
E desde quando o Almir Sater não é uma atração nacional???????????? [2]
 
Thaís Rossatti em 25/09/2013 17:46:36
Parabéns pela escolha do Almir, na minha opinião é quem melhor representa o nosso estado, agora não entendi uma coisa o festival chama "Canta Brasil" e só terá estas apresentações nacionais? O resto vai ser internacional? Se sim, não deveria chamar "Canta Paraguai" ou "Canta Mundo"?
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 25/09/2013 17:10:12
Escolha perfeita! É um presente vê-lo tocar, voz suave, letras que nos remete ao amor, ao pantanal, nos faz viajar sem sair do lugar. Representa nosso povo, nossa essência, nossa cultura.Creio que como eu, muitos ficaram felizes com a boa notícia.
 
Carla Souza em 25/09/2013 16:53:58
Deviam trazer O Rappa !
 
Felipe Benites em 25/09/2013 16:19:45
Quem pagou pelo show no Palácio da Cultura deve estar se remoendo de raiva agora... rsrsrs.
 
Rodrigo Adania em 25/09/2013 16:15:41
Temos uma super valorização dos Espindolas e do Almir Sater, parece que nossa música está resumida a isso é só. Mato Grosso do Sul precisa ampliar sua visão para o que acontece no resto do país e parar de olhar só para o seu umbigo. Não estou dizendo, com isso que nossos artistas não mereçam a valorização e nosso respeito, mas são poucas as oportunidades para conhecer o que acontece culturalmente no Brasil a fora, e esse projeto tinha exatamente esse objetivo, que esta cada vez mais sendo deixado para trás. Pobreza cultural!
 
tatiane coimbra em 25/09/2013 15:44:37
Pela reportagem vocês dão a entender que Almir Sater não é um artista de renome nacional, nem importante, o que não é verdade, pois, faz shows pelo Brasil inteiro com tanta qualidade musical que lota casas de shows com ingressos nada populares (R$ 120,00 e R$ 150,00), como aconteceu em Campo Grande no último dia 22. Trata-se de um artista de qualidade musical indiscutível, cantor, compositor, e por acaso, da nossa terra. Discordo do foco da reportagem, acho que coloca Almir Sater numa posição de inferioridade que definitivamente ele não ocupa, pois, é um grande artista, com qualidade musical que deixa muitos no "chinelo". Feliz de quem puder ir ver o Show que será promovido muito oportunamente pelo Estado de MS.
 
sheyla cristina bastos e silva barbieri em 25/09/2013 15:40:23
Enquanto os artistas regionais recebem um cachê miserável em apresentações promovidas por instituições governamentais, os artistas nacionais são devidamente valorizados.
 
João Cunha em 25/09/2013 15:04:57
"Américo garante que em novembro o projeto voltará à essência, com uma banda importante". É difícil acreditar que uma pessoa com o mínimo de formação cultural faça uma afirmação dessa natureza. Fico triste ao ler que pessoas da região não consideram Almir Sater como um músico importante ou ainda que sua participação seja uma fuga à essência do projeto MS Canta Brasil.
 
Nathalia Lima em 25/09/2013 14:52:46
E nós estaremos lá para apreciar a viola caipira novamente :)
 
Cultura Caipira Blog em 25/09/2013 14:50:08
Sem atração nacional?! E o Almir é o que? Atração Internacional?
 
JESSICA MACHADO em 25/09/2013 14:33:29
UFAT!! Alvíssara!!
Almir Sater, esse sim representa o MS!
 
JESSICA MACHADO em 25/09/2013 14:30:29
E desde quando o Almir Sater não é uma atração nacional????????????
 
Alexandre Ferreira em 25/09/2013 14:29:08
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.