A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

10/02/2015 06:34

Para incentivar boa alimentação dos filhos, pai aprende e ensina a fazer iogurte

Aline Araújo
 É preciso tirar o soro para conseguir a consistência mais firme, conhecida do iogurte grego. É preciso tirar o soro para conseguir a consistência mais firme, conhecida do iogurte grego.

Os filhos do empresário Marcelo Amorim, de 48 anos, não gostavam de iogurte, até que ele, que sempre teve como hobby cozinhar de tudo um pouco, resolveu provocar uma guinada na preferência das crianças. Pegou a receita e partiu para o desafio de fazer iogurte grego em casa.

Veja Mais
Para fazer o mundo sorrir, grupo sai às ruas doando bons sentimentos
Clínica realiza palestras para sanar dúvidas sobre infertilidade conjugal

Na tentativa de colocar mais pais na cozinha em benefício dos filhos, o Lado B resolveu compartilhar a experiência.

Marcelo pesquisou na internet e colocou os planos em prática. Depois, teve a ideia de fazer geleias para adoçar o iogurte e pronto, virou "especialista" no assunto. Hoje a receita é uma das mais frequentes em casa e, felizmente, com a aprovação dos filhos.

Nas primeiras tentativas, usou frutas naturais para acrescentar à receita básica, mas dessa forma o produto estragava rapidamente. Foi então que surgiu a ideia das geleias, sem nenhum tipo de conservante.

Marcelo com uma das criações (Foto: Arquivo pessoal)Marcelo com uma das criações (Foto: Arquivo pessoal)
Iogurte com geleia de frutas vermelhas. (Foto: Arquivo pessoal)Iogurte com geleia de frutas vermelhas. (Foto: Arquivo pessoal)

O empresário agora até vende alguns potinhos para amigos que encomendam, mas sem compromisso com a demanda. Produz quando consegue, já que o sabor já integra a rotina da família. “As pessoas dizem que fazer iogurte dá muito trabalho, na verdade leva tempo para ficar pronto, mas o trabalho é pouco”, comenta.

A receita do iogurte é simples, só leva dois ingredientes: um potinho de iogurte natural (200ml) e 3 litros de leite da sua preferência.

Não há nada mais prático. Ferva o leite e quando estiver a 50°C despejar no iogurte em outra tigela, tampar e deixar descansar de seis a oito horas. Depois é preciso tirar o soro, colocando em um pano esterilizado para escorrer por mais seis horas, para conseguir adquirir a consistência mais firme, conhecida do iogurte grego.

A diferença está na calda de frutas vermelhas, que também é simples. Açúcar mascavo é derretido e as frutas frescas ou congeladas adicionadas à calda. Depois adicione uma xícara de água e cozinhe até dar o ponto de geleia. Para a geleia de frutas vermelhas, Marcelo geralmente utiliza morangos, framboesa e amora.

 

 




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.