A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

03/11/2016 10:14

Novo Mega Drive chega em junho de 2017; conheça alguns detalhes escondidos

Equipe VGDB
Novo Mega Drive chega em junho de 2017; conheça alguns detalhes escondidos

A Tectoy prometeu e cumpriu. No último dia 31 a empresa anunciou o seu mais “novo” console: será um Mega Drive com carcaça e caixa semelhante ao primeiro modelo lançado no Brasil (aquele com Altered Beast na caixa), saída AV (sem hdmi), fonte embutida, entrada para cartão mini SD e com um controle de 3 botões, com preço de pré-venda em R$ 399, que podem ser parcelados em até dez vezes (à vista ainda tem desconto de vinte reais). Importante mencionar que para a fabricação do console e do controle serão usados os moldes originais que a Tectoy utilizou para a fabricação do primeiro modelo do Mega Drive no Brasil, apenas adaptado às novas entradas e saídas do console. Além disso, o aparelho virá com 22 jogos:

Veja Mais
Last Guardian e Mario Maker no 3DS puxam lançamentos de dezembro
Dos três modelos da linha PlayStation 4, qual se encaixa melhor para você?

Alex Kidd in The Enchanted Castle, Alien Storm, Altered Beast, Arrow Flash, Bonanza Brothers, Columns, Decap Attack, E-Swat, Fatal Labyrinth, Flicky, Gain Ground, Golden Axe, Golden Axe 3, Jewel Master, Kid Chameleon, Last Battle, Out Runners, Sega Soccer, Shadow Dancer, Shinobi 3, Sonic 3 e Turbo Out Run.

Aqui já vem a primeira questão: esses jogos virão na memória do console ou em um cartucho SD separado? O link oficial do anúncio, que serve também para realizar a pré-compra do console, não especifica isso, o que fez todos presumirem que viria na memória, principalmente pelo fato de que lá não menciona a inclusão de um cartão mini SD entre os itens que acompanham o aparelho, além do histórico recente de consoles da Tectoy, que sempre acompanham jogos na memória.Para fechar a questão, o vídeo oficial do lançamento (ver no final da matéria), é dito claramente “jogos na memória”.

 

Controle de 3 botões que acompanhará o console e também será vendido separadamente.Controle de 3 botões que acompanhará o console e também será vendido separadamente.

Porém, veio o FAQ oficial do console para embolar tudo. Lá consta que “Os jogos inseridos no SD card, fornecido junto com o Mega Drive, foram devidamente testados pela Tectoy no que tange a sua compatibilidade como hardware assim como foram obtidas todas as licenças necessárias para a sua comercialização.

Tecnicamente é possível se adicionar conteúdos a este cartão, sendo, contudo, responsabilidade do consumidor os testes de compatibilidade assim como as licenças necessárias”. Claramente deu a entender que o console virá com um cartão micro SD onde estarão os 22 jogos que o acompanham. Em conversa com nossas fontes, nos foi informado que de fato o console acompanhará esse cartão com os jogos, não tendo então jogos embutidos na memória.

Outro ponto interessante respondido nessa mesma pergunta foi o fato de que novos jogos podem ser inseridos no cartão, sob responsabilidade do usuário, o que abre um leque enorme de possibilidades para os proprietários do aparelho, que virá dessa forma com um “everdrive embutido”, algo realmente excelente.

Na matéria que fizemos na semana passada, com spoilers sobre o que seria esse novo console, havíamos falado sobre a possível compatibilidade do aparelho com outras plataformas da SEGA. Estranhamente isso não foi revelado no lançamento, mas as mesmas fontes revelaram que o console rodará sim jogos de Master System através da entrada mini SD. Pela entrada de cartuchos não se sabe se será possível, principalmente se considerarmos a informação de que o novo aparelho não será compatível com acessórios como 32X, Power Base Converter e etc.,mas não estranhe se no futuro a empresa fabricar um adaptador próprio para rodar os cartuchos originais de Master System no aparelho.

Outro ponto importante e polêmico sobre o novo console é o hardware. A empresa anunciou que ele terá o padrão de “System on a Chip”, onde os processadores do console são colocados dentro de um só chip, o que diminui os custos de produção. Sabemos também que boa parte dos componentes utilizados no Mega Drive não são mais fabricados, o que levou a Tectoy a anunciar que utilizará produtos similares aos originais para a fabricação do aparelho, deixando bem claro que não estamos diante de um console que utiliza emulação como base de funcionamento.

Mas por ser um assunto um tanto complexo, isso ainda gera muitas dúvidas na galera interessada nesse novo lançamento. A boa notícia é que nossas fontes informaram que esse chip único conterá processadores similares aos quatro principais existentes no console original, CPU (M68000), auxiliar (Z-80), gráfico (VDP) e som (Yamaha). Isso aumenta as chances do console conseguir reproduzir da forma mais fiel possível à experiência que o console original trazia.

Lembrando que o console ainda está em desenvolvimento e alterações poderão ser realizadas no projeto. O melhor de tudo é que a Tectoy parece estar de fato empenhada em fazer o melhor possível para que esse console seja de fato algo especial. Abaixo você pode conferir também um vlog que fizemos falando sobre esses assuntos. Agora é aguardar junho de 2017, quando o console começará a ser enviado para quem efetuar a pré-compra, para podermos conferir como ficou o resultado final. E fiquem atentos aqui em nossa coluna e também no Vídeo Game Data Base, o Museu Virtual Brasileiro dos Videogames, que caso surjam novas informações, traremos as mesmas a vocês.

A coluna de games do Lado B tem o apoio da loja Press Start, localizada aqui em nossa capital.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.