A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

19/01/2016 06:56

Presidente da Nintendo revela um pouco mais dos planos da empresa para 2016

Edson Godoy
Novo console da empresa, segundo o presidente da Big N, Tatsumi Kimishima, será apresentado ao público com mais detalhes ainda este ano.Novo console da empresa, segundo o presidente da Big N, Tatsumi Kimishima, será apresentado ao público com mais detalhes ainda este ano.

O ano de 2016 é de bastante expectativa para a Nintendo. Principalmente em relação ao novo console da empresa, de codinome Nintendo NX, que segundo palavras do próprio presidente da Big N, Tatsumi Kimishima, será apresentado ao público com mais detalhes ainda este ano. É claro que essa declaração, somada às informações obtidas através de fornecedores de componentes eletrônicos, fez com que os boatos de que o console seria lançado ainda este ano (outubro) ganhassem grandes proporções.

Veja Mais
The Last of Us 2, novo Uncharted e tudo mais que rolou na PlayStation Experience
Last Guardian e Mario Maker no 3DS puxam lançamentos de dezembro

Outro boato surgido recentemente se refere ao lançamento de Star Fox Zero. O jogo, previsto para chegar ao mercado em abril de 2016, teria sido adiado mais uma vez, agora para o mês de julho. Isso porque alguns varejistas franceses colocaram esse mês como sendo o de lançamento do jogo, o que, por si só, não garante que de fato ocorrerá o adiamento. A Nintendo não fez nenhum anúncio nesse sentido até agora.

Mas, boato é boato e fato é fato. Então vamos nos ater aos fatos! O presidente Kimishima deu algumas declarações interessantes na última sexta-feira, dia 15. Ratificou que a Nintendo está baseando seu trabalho no NX na construção de novas ideias, o que mais uma vez corrobora com a informação de que a palavra de ordem no novo console é a inovação, especialidade da empresa japonesa, diga-se de passagem. Porém, nada foi dito quanto à data de lançamento, o que torna muito improvável que ocorre ainda em 2016.

Outra novidade que a Nintendo buscará é a expansão de suas franquias para fora do mundo dos videogames, como desenhos animados e parques temáticos, além da entrada no mercado de dispositivos móveis, uma das grandes apostas da companhia, confirmando inclusive que o primeiro aplicativo já estará disponível em março e que outros virão, sendo que ainda em 2016, personagens famosos do universo Nintendo estarão nas telas dos smartphones.

Com essa política, a Nintendo espera aumentar muito os lucros da empresa, deixando-a com bases cada vez mais sólidas. De uns tempos para cá, apesar de estar na rabeira na briga dos consoles de nova geração, a companhia vem se mantendo muito bem financeiramente, com lucros seguidos. A verdade é que o Wii U, apesar de não ser um sucesso retumbante, tem o seu público cativo e que consome os produtos Nintendo sem moderação.

Além disso, a empresa domina com ampla margem o mercado de consoles portáteis e seguidamente encontra soluções de sucesso e que se mostram extremamente rentáveis, como os Amiibos, que viraram uma verdadeira febre e vendem “feito água”. A verdade é uma só: para nós gamers, quanto melhor estiver a Nintendo, melhor e mais divertido estará o mercado de videogames. Que 2016 traga boas notícias para nós e para a companhia japonesa. Para matar saudade, confira nos vídeos abaixo alguns jogos que marcaram a história da companhia.

A coluna de games do Lado B tem o apoio da loja Press Start, que já está em contagem regressiva para a inauguração, que ocorrerá nos próximos dias. A loja será sediada no Shopping Bosque dos Ipês, aqui em Campo Grande/MS, prometendo inovar no conceito de loja de games em nossa Capital, além de contar com uma completa loja virtual na internet, com atendimento para todo o Brasil. Não deixe também de visitar também o meu site, o Vídeo Game Data Base.




Olá Edson, por acaso você participa das lives do Brazuca?
 
Luciano Pereira de Souza Junior em 20/01/2016 21:44:45
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.