A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

26/02/2014 06:22

De Bela Vista, loja ganha fama com mais de 34 mil seguidores no Instagram

Anny Malagolini
Sessão de fotos para loja Patricia Rodrigues no Instagram.Sessão de fotos para loja Patricia Rodrigues no Instagram.

Depois de ler um artigo na revista Forbes, a turismóloga Patricia Rodrigues, de 29 anos, criou perfil no Instagram para divulgar as roupas da sua loja, de Bela Vista, cidade a 322 quilômetros de Campo Grande. Esperta e, principalmente, com bom gosto, ela enviou peças para atrizes globais e pronto: virou sucesso. Hoje são mais de 34 mil seguidores na rede social.

Veja Mais
Canal masculino de moda tem tradução em libras para democratizar acesso
Tem gosto pra tudo...Agora, até para combinar gravata de madeira com camisa

Há dois anos ela investiu na ferramenta, ainda quando não era tão famosa no Brasil. Com a Forbes, a empresária aprendeu que o Instagram ia crescer, porque já era uma das principais redes sociais fora do País. Imediatamente, resolveu montar os “looks” do estoque que tinha na loja, fotografar e divulgar. “Eu achei interessante, achei que pudesse dar certo e deu”.

Por dia, são cerca de 60 vendas, todas por e-mail. Na avaliação dela, o e-commerce impressiona em números, por ainda não ter nem sequer um site, o que deve ser providenciado e dez dias.

A empresária acredita que o sucesso veio depois que a atriz global Marina Ruy Barbosa, uma das "It Girls" da TV, recomendou a loja de Patrícia em seu perfil pessoal no Instagram.

“Em 2013, mandei um e-mail para a equipe da atriz para que eu enviasse algumas peças da loja. Ela recebeu, usou e ainda pediu para que os fãs seguissem a gente”. De um dia para o outro, a loja ganhou mais de 10 mil seguidores.

As atrizes Karina Bachi e Giovanna Lancelotti fizeram o mesmo e o negócio só melhora. “Mando roupas em troca de publicidade. Hoje tudo virou jabá, mas na época não tinha isso”, comenta sobre a torca de produtos por divulgação.

As roupas custam de R$ 89,00 a R$ 289,00. As roupas custam de R$ 89,00 a R$ 289,00.
A venda é feita apenas por e-mail, ou na loja física, em Bela Vista. A venda é feita apenas por e-mail, ou na loja física, em Bela Vista.

Lá longe - Patrícia montou há 10 anos a loja que leva seu nome ao lado da mãe. Como a cidade é no interior e as "tendências" demoram um pouco mais para chegar, resolveu fazer o próprio estoque e vender para as amigas. “Lá não tem variedade e quem tem loja no interior coloca um preço alto e nem sempre são peças da moda”, crítica.

As roupas são compradas em São Paulo e a cada 15 dias chegam novidades. Para ficar antenada, Patricia conta que Instagram de estrangeiros ligados à moda são a maior referência. Os “gringos” dão as ideias. Hoje ela, inclusive, manda fabricar em Recife (PE) alguns modelos exclusivos.

As peças custam de R$ 89 a R$ 298,00, mas nenhuma das roupas vendidas são de grife famosa. Todas as etiquetas das peças são trocadas e no lugar são costuradas etiquetas com o nome de Patrícia.

Em Campo Grande funciona apenas o showroom das mercadorias que serão distribuídas por conta dos pedidos virtuais. Já a loja física, continua em Bela Vista.

A venda virtual é pelo e-mail: patriciarodriguesloja@gmail.com. Clique aqui para conhecer o Instagram da loja.

A loja no Instagram existe há dois anosA loja no Instagram existe há dois anos



Parabéns pelo sucesso merecido. As roupas são lindas, de ótimo bom gosto...looks da moda
 
Daniela Vargas Vianna em 26/02/2014 12:20:09
Parabens Minha irma vc merece tudo este sucesso e muito mas que ainda vira eu seu irmão me orgulho muito de vcs 2 ai lutando e vencendo os obstaculos saiba que te amamos muito , sempre estaremos com vcs grande abraços fique com Deus
 
Clovis Augusto de Oliveira Rodrigues em 26/02/2014 08:30:34
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.