A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

28/09/2015 06:23

Advogada abre quintal e cria boteco com rodízio de petiscos, jantar e sobremesa

Lucas Arruda
No evento é servido petiscos e às vezes um prato principal com uma cerveja para harmonizar (Foto: Gerson Walber)No evento é servido petiscos e às vezes um prato principal com uma cerveja para harmonizar (Foto: Gerson Walber)

O gosto em reunir os amigos em casa para fazer churrascos é de longa data. Por isso, a advogada Carolina Pithan abriu o quintal. Ela faz petiscos, serve cervejas especiais, jantar e até sobremesa para quem aparece por lá nas quintas-feiras.

Veja Mais
Bar serve comida alemã e cliente ainda pode conhecer fábrica de cerveja
Mistura de peruana com oriental, tendência para 2017 é cozinha que une 2 países

“Sempre tive a ideia de abrir um estabelecimento de entretenimento e como recebo bastante amigos aqui em casa, juntei o útil ao agradável. A ideia foi super bem aceita por eles e está dando super certo, todo mundo se sente em casa quando vem”, avalia Carolina.

São servidos no mínimo cinco tipos de aperitivos por noite (Foto: Rodrigo Marques)São servidos no mínimo cinco tipos de aperitivos por noite (Foto: Rodrigo Marques)

Quem aparece por lá, por enquanto, são os amigos. Mas o objetivo é esse mesmo, que todos que frequentem ali, mesmo os que não são conhecidos de longa data, se tornem íntimos do ambiente e de todo mundo também.

“É um lugar aberto para quem quiser vir, só tem uma regra: aqui todos interagem. O espaço não é muito grande e quando sirvo o jantar é numa mesa só, todos terão que conversar entre si. É tudo pensado para isso”, revela a advogada.

O cardápio é rotativo, a cada semana é servido algo diferente e o jantar será servida em quintas intercaladas. No mínimo, são cinco tipos de petiscos por noite e quando não tem prato principal, a entrada custa R$ 20,00.

Quando jantar e sobremesa são servidos, o preço sobe para R$ 40,00. Os pratos são cozinhados por Carolina mesmo. “Eu gosto muito de cozinhar, sempre gostei. Preparar a comida aqui é o meu momento, a hora de aliviar o estresse da semana”, brinca.

 

Carolina começou a Butekada em agosto (Gerson Walber)Carolina começou a Butekada em agosto (Gerson Walber)

Todas as noites são servidas cervejas artesanais especiais, harmonizadas especialmente para os pratos escolhidos.

“Mando o cardápio antes para os amigos da Casa do Chef e eles escolhem para mim qual cerveja é a melhor para cada item do cardápio”, explica.

No cardápio, é detalhado o que será servido naquela noite, explicando os pratos e também a cerveja e o porquê da escolha. Quando o Lado B foi conhecer o lugar, por exemplo, havia porções de dadinhos de tapioca, amendoim, palitinho de cerveja, enroladinho agridoce, mix de frios e flatbreads, na versão americana do pão sírio.

Das cervejas tinham a inglesa Dama Esb, que harmoniza com peixes de água doce e carne assada, a Dama Weiss, excelente acompanhamento para calabresas e frituras, Dama 2014, boa com saladas e peixes e Schornstein Ipa, boa pedida para tomar com hambúrguer.

Não tendo faltado em nenhuma quinta, o psicólogo Paulo César Vilela, gosta muito do ambiente descontraído. “Conheço a Carol há muito tempo e depois que começou aqui vim sempre. Acho que a grande sacada é essa interação que todo mundo tem, sempre faço amigos novos aqui”, ressalta.

Além da comida, cada Butekada tem suas atrações musicais e até stand up já rolou por lá.

A Butekada acontece na rua Vasconcelos Fernandes, 482, Amambaí. Informações pelo telefone 9272-1050.

Quando só há petiscos a entrada custa R$ 20, já na quinta que tem janta também custa R$ 40 (Rodrigo Marques)Quando só há petiscos a entrada custa R$ 20, já na quinta que tem janta também custa R$ 40 (Rodrigo Marques)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.