A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

01/12/2015 06:23

Cafeteria no Vilas Boas abre com sabor de Minas e vontade de ser ponto cultural

Adriano Fernandes
O Nis Café Cultural, pretende ser o mais novo ponto de cultura na cidade. (Foto: Leca Photos)O Nis Café Cultural, pretende ser o mais novo ponto de cultura na cidade. (Foto: Leca Photos)

Em frente a fachada vermelha da mais nova cafeteria da cidade, dois banquinhos de madeira são um convite a parar na correria de um dos pontos mais movimentados de Campo Grande. Ali, duas plaquinhas indicam o Nis Café Cultural, criado para ser bem mais que o ponto do cafezinho.

Veja Mais
Aproveitando época da guavira, chef ensina petit gâteou e brownie da fruta
Hamburgueria K Burguer traz deliciosas novidades

Luciano Nis, de 39 anos, ralou para a inauguração ocorrer dentro do prazo previsto, no último sábado. Ele diz que sempre manteve um caso de amor com cafeterias, por isso decidiu abrir a própria, a cerca de uma quadra da Avenida Eduardo Elias Zahran.

Luciano quer oferecer na cafeteria o melhor do café gourmet aliado ao entretenimento. (Foto:Adriano Fernandes)Luciano quer oferecer na cafeteria o melhor do café gourmet aliado ao entretenimento. (Foto:Adriano Fernandes)

Construtor, corretor de móveis e até empresário de jogador de futebol, ele garante que a vocação para novos desafios sempre foi sua marca registrada. “Eu sou empreendedor desde os meus 19 anos.Trabalhei como funcionário por no máximo 6 meses da minha vida, até começar a buscar novos desafios. Desde então nunca mais parei, estou sempre tentando inovar”, comenta. Luciano já ganhou dinheiro como vendedor de roupas, dono de lan house e até com lotéricas.

De espírito aventureiro, o rapaz tem nos esportes e nas viagens suas maiores paixões. De ídolos, Ayrton Senna é o maior deles e tem até dedicatória em uma das paredes da cafeteria. “Se você quer ser bem sucedido, precisa ter dedicação, buscar seu limite e dar o melhor de si”, diz.

Agora, em um novo caminho, Luciano pretende abrir as portas para artistas da cidade ou até de fora do Estado, e que são pouco conhecidos do grande público. Tudo de forma gratuita. “Campo Grande ainda carece de espaços para cultura”, justifica.

No Nis Café, o cardápio é do tipo tradicional, com brigadeiros, pudins, pães de queijo e cheesecakes. Mas o carro-chefe é mesmo o café gourmet, vindo direto da região sul de Minas Gerais. “Nossa intenção é apresentar o melhor do café nacional, agregando o valor à cultura”, completa.

Na noite de inauguração, ele já mostrou um pouco o que pretende. Trouxe o escritor goiano Rafael Magalhães. Fenômeno nas redes sociais, o rapaz figura na lista dos títulos independentes mais vendidos do País, com a obra "Precisava Escrever". Só no Instagram, o perfil tem mais de 664 mil seguidores.

Em dois ambientes, cafeteria tem espaço gourmet e de leitura.(Foto: Leca Photos)Em dois ambientes, cafeteria tem espaço gourmet e de leitura.(Foto: Leca Photos)

Intimista, a decoração tem madeira desde o teto até as mesas e cadeiras, o que dá um ar rústico ao espaço. A cafeteria se divide em dois ambientes, um gourmet e outro de leitura, que tem até a "geladeira biblioteca", recheada de livros.

Para a funcionária pública Marcelle dos Santos, o diferencial do lugar é o apreço pela literatura. “Criar um espaço que receba escritores de um cenário alternativo e dando mais abertura para os artistas regionais é muito importante. O espaço está inovando neste sentido". 

O Nis Café Cultural fica na Rua São Félix, 47. A cafeteria funcionará de segunda a sexta-feira, das 08h até as 18h e aos sábados, das 08h até 12h. Sujeito a alterações. Informações pelo 9988-4229.

Curta a página do Lado B no Facebook.

 

O Nis Café Cultural, tem café gourmet vindo direto de Minas Gerais.(Foto: Leca Photos)O Nis Café Cultural, tem café gourmet vindo direto de Minas Gerais.(Foto: Leca Photos)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.