A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

22/05/2014 06:21

Em restaurante italiano, criança de até 10 anos tem 3 opções para comer de graça

Anny Malagolini
Empresário é quem faz o pão do restaurante (Fotos: Marcelo Victor)Empresário é quem faz o pão do restaurante (Fotos: Marcelo Victor)

Crianças de até 10 anos não ficam na fila, têm prioridade no atendimento, e também não pagam pelo prato, caso escolham uma das 3 opções oferecidas pelo restaurante Pietro i Maria, recém inaugurado na rua Euclides da Cunha, Jardim dos Estados, em Campo Grande.

Veja Mais
Bar serve comida alemã e cliente ainda pode conhecer fábrica de cerveja
Mistura de peruana com oriental, tendência para 2017 é cozinha que une 2 países

O truque para atrair a clientela à casa especializada em massas, leva em conta a experiência do proprietário, que já enfrentou algumas dificuldades ao levar filho pequeno para almoçar ou jantar fora. "São cheios de energia e é difícil aguardar a chegada da comida sentados. Então resolvemos priorizar na hora de servir", explica o proprietário Valmir Guarinão.

A casa oferece três sugestão para os pequenos: filé com arroz e batatas, spaghetti ao molho ao sugo, ou spaghetti ao molho branco, sempre servidos com prioridade, entrando na frente na lista de espera dos pedidos. “Sou pai, sei da dificuldade de segurar uma criança na mesa”, reforça. 

Com uma família cheia de italianos, Valmir lembra que sempre quis abrir algo voltado a suas origens e, no ano passado, após uma viagem a São Paulo, enfim, decidiu inaugurar o restaurante.

Lá, ele conheceu uma casa italiana que serve massas acompanhadas de frutos do mar, o que serviu de inspiração. Na Pietro i Maria, a maioria dos pratos também levam ingredientes mediterrâneos.

Valmir viaja uma vez por mês para, pessoalmente, buscar em Santos (SP) os ingredientes. “Queria algo fresco, não esses congelados que costumam usar”. O cardápio oferece porções individuais que custam de R$ 25,00 a R$ 80,00.

Há 40 dias, ele abriu o restaurante na rua Euclides da Cunha, número 88, uma homenagem aos avós "Pietro i Maria". Valmir é um velho conhecido na Capital no ramo gastronômico. Foi ele quem abriu a primeira franquia do “McDonald's” na Capital, em 1997, e também do Habibs, em 2010. 

Mas ao contrário do fast food, tudo agora é produzido artesanalmente, inclusive, o pão italiano, feito pelo próprio Valmir, todos os dias. “É difícil de encontrar como eu queria, então aprendi a fazer”, explica.

O pão é servido como couvert de entrada no restaurante que abre todos os dias, durante o almoço, das 11 às 15 horas, e para o jantar, a partir das 19 horas.

O chefe de cozinha é italiano e ensinou o Lado B a preparar um verdadeiro “Gnocchi a Sorrentino ”. Anotem a receita:

Ingredientes para a massa.
1 kg de batata cozida e espremida.
Sal a gosto
350 gramas de farinha de trigo.

Escorra, descasque-as e passe pelo espremedor ainda quentes. Vá acrescentando a farinha aos poucos e o sal. Em seguida amasse bem a mistura, e coloque a massa sobre uma mesa enfarinhada e faça rolinhos. Corte cada rolinho em pedaços de mais ou menos 2cm.

Para o molho, use o vermelho, ao sugo ou pomodoro. Acrescente mussarela e leve ao forno para gratinar.

Na parede, retratos da família italiana.Na parede, retratos da família italiana.
Ambiente é bem italiano, como as origens do dono (Foto: Marcelo Victor)Ambiente é bem italiano, como as origens do dono (Foto: Marcelo Victor)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.