A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

21/12/2015 06:23

Na frente de casa, mãe e filhas abrem Cantinho Baiano com acarajé e tapioca

Naiane Mesquita
O acarajé é uma das especialidades da casa (Fotos: Gerson Walber)O acarajé é uma das especialidades da casa (Fotos: Gerson Walber)

Dona Valdete recebe todos os clientes do mesmo jeitinho, de roupa branca, de rendas, típico de uma baiana que vende um dos pratos mais tradicionais da terra, o acarajé.

Veja Mais
Mistura de peruana com oriental, tendência para 2017 é cozinha que une 2 países
Cremosa e saborosa: aprenda a fazer Tilápia à moda da casa

De Ilhéus, cidade natal, até Campo Grande, ela percorreu muitos municípios ao lado dos oito irmãos. Quando desembarcou aqui, na década de 70, decidiu que finalmente encontrou morada.

Dona Valdete recebe os clientes como se estivesse na Bahia (Foto: Gerson Walber)Dona Valdete recebe os clientes como se estivesse na Bahia (Foto: Gerson Walber)

Por mais de 20 anos, Valdete vende acarajé na cidade, em diversos pontos. Já esteve na Barão do Rio Branco com a 14 de Julho, depois nos altos da Afonso Pena.

Quando enjoava do ofício, seguia para trabalhar em escritórios ou comércios. Mesmo assim, passava um tempo, voltava para a cozinha, de onde não conseguia ficar longe. “Sempre vendendo acarajé, comida nordestina, baiana. Aprendi a cozinhar com nove anos de idade. Era criança ainda”, conta.

A mão boa com os quitutes fez ela cozinhar durante anos com a escritora e culinarista Iracema Sampaio, falecida em 2011. “Fiquei com ela durante muito tempo”, relembra.

Agora, quem ajuda na cozinha são as quatro filhas. Cada um tem uma carreira, de arquiteta a estudante, mas à noite todas se juntam na frente da casa da mãe para ajudar na preparação dos quitutes.

“Estamos organizando ainda. Faz seis meses que pegamos firme para montar o espaço. O desejo é deixar bem arrumadinho”, diz Daiane, a filha arquiteta de dona Valdete.

Na frente de casa, mãe e filhas montaram o Cantinho BaianoNa frente de casa, mãe e filhas montaram o Cantinho Baiano

No cardápio tem de tudo. Acarajé, vatapá, tapioca doce e salgada. Os pratos mais trabalhosos, Valdete, por enquanto, só faz por encomenda.

Na lisa tem o abará, moqueca de peixe, que na porção para duas pessoas, custa R$ 50,00 bobó de camarão, caruru, vatapá de camarão, arroz de leite com carne seca, para dois também e no valor de R$ 35,00, baião de dois, bolo de puba, paçoca de carne seca e pirão de leite com carne seca.

Já o Acarajé custa R$ 10,00, a unidade e o mini combo com 12, sai por R$ 22,00. As tapiocas variam de R$ 5,00 a R$ 15,00. “Tem cliente que vem pelo menos uma vez por mês das Moreninhas só para comer o Acarajé. Dizem que o meu é diferente, mas o charme está na pimenta”, brinca Valdete.

O Cantinho Baiano fica na rua Antônio Moraes Ribeiro, 756, na Vila Nasser. O horário de funcionamento é de sexta à terça-feira das 18h às 22h.

Curta a página do Lado B no Facebook!




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.