A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

05/09/2015 12:27

No 1º IPA Day, cervejeiros trocam receitas e provam novos sabores

Paula Maciulevicius
Na Capital, quem realiza o Ipa Day são cervejeiros artesanais e amigos em comum que criaram o Homebrew MS. Na Capital, quem realiza o Ipa Day são cervejeiros artesanais e amigos em comum que criaram o "Homebrew MS".

Campo Grande recebe neste sábado o 1° Ipa Day, dia destinado a um estilo de cerveja mais lupulado. O tipo está entre os preferidos dos americanos e começa a ganhar mais espaço no Brasil também. Na Capital, quem realiza são cervejeiros artesanais e amigos em comum que criaram o "Homebrew MS", grupo dos que fazem cerveja em casa, para se reunir em volta da bebida. 

Veja Mais
Aproveitando época da guavira, chef ensina petit gâteou e brownie da fruta
Hamburgueria K Burguer traz deliciosas novidades

"Hoje estamos com seis subestilos aqui. As cervejas Ipa vão bastante lúpulo, que é o que dá aroma, amargor e sabor para a cerveja", explica um dos organizadores, Raul Brambilla, de 30 anos. Hoje eles tiraram o dia para tomar e fazer cerveja. 

"Eu faço cerveja há um ano, mas tem gente que faz há quatro, cinco anos. A gente aproveita para trocar experiências de como cada um faz", completa Raul. A ideia é se reunir a cada dois meses, mais ou menos o tempo de espera até que a cerveja produzida neste evento, fique pronta para o outro.

A cerveja produzida hoje será servida no próximo evento. A cerveja produzida hoje será servida no próximo evento.

A reunião acontece na casa do empresário e cervejeiro, Fabiano Gonçalves Silva, de 37 anos. De Araçatuba, ele veio para a Capital a trabalho e há três anos começou a produzir da bebida. Em casa, ele recebe até amigos de Rio Brilhante, que vieram especialmente para o Ipa Day.

"Bacana é que eles estão começando a fazer cerveja e o legal é que aqui o pessoal pode melhorar, trazer o que faz, trocar experiências", resume Fabiano. As visitas eram os médicos Júlio César Ricci e Dayanne Barbosa. "O mais difícil é trabalhar os insumos", diz Júlio sobre as dificuldades para quem está começando.

Fabiano completa dizendo que para produzir cerveja nem precisa ter toda a aparelhagem que hoje eles exibiam. "Você pode fazer até na panela de casa, desde que conheça o processo".

Os interessados em começar a apreciar e produzir da cerveja artesanal podem procurar informações no site da Acerva (Associação dos Cervejeiros Artesanais de Mato Grosso do Sul).

Júlio César e Dayanne vieram de Rio Brilhante para o encontro. Júlio César e Dayanne vieram de Rio Brilhante para o encontro.



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.