A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

22/12/2014 06:23

Para servir diferente, lanchonete cria rodízio de mini-lanches com 15 sabores

Elverson Cardozo
No rodízio são servidos 15 tipos de lanches, mas é difícil chegar ao final. (Foto: Alcides Neto)No rodízio são servidos 15 tipos de lanches, mas é difícil chegar ao final. (Foto: Alcides Neto)

Você é do tipo que troca fácil um prato de comida por um lanche suculento? Gosta desses “X-alguma coisa” que o povo inventa e vende por aí? Se sim, essa notícia é para você. Recém-inaugurada, uma lanchonete do bairro São Francisco, em Campo Grande, serve rodízio de mini-lanches com 15 sabores diferentes.

Veja Mais
Bar serve comida alemã e cliente ainda pode conhecer fábrica de cerveja
Mistura de peruana com oriental, tendência para 2017 é cozinha que une 2 países

É isso mesmo. Você chega, senta, pede o rodízio e logo alguém passa servindo. Funciona como em uma pizzaria. Na lista tem misto quente (pão com duas fatias de queijo), bauru (pão com duas fatias de presunto, queijo e tomate), prensado simples (pão prensado com duas salsichas, queijo, milho e batata), prensado especial (pão prensado com duas salsichas, queijo, bacon, calabresa, milho, batata e salada), salada (pão com ponta de peito, queijo, alface e tomate).

Também inclui o burguer (pão com hambúrguer de ponta de peito e queijo), o “salada especial” (pão com hambúrguer de ponta de peito, queijo, alface, tomate, milho, batata frita e ovo), o de bacon (pão de hambúrguer de ponta de peito, bacon, queijo, alface e tomate), calabresa (pão com hambúrguer de ponta de peito, calabresa, queijo, alface e tomate), além do “Campo Grande” (pão com hambúrguer de ponta de peito, ovo, salsicha, calabresa, queijo, alface e tomate), fora o filé de frango (pão com filé de frango, duas fatias de queijo, milho, alface e tomate).

Como acompanhamentos, molhos e batatas fritas. (Foto: Alcides Neto)Como acompanhamentos, molhos e batatas fritas. (Foto: Alcides Neto)

Tem, ainda, o “bagunça” (pão com hambúrguer de ponta de peito, ovo, duas salsichas, calabresa, batata palha, alface e tomate), “gauchinho” (pão com filé mignon, cebola, queijo, alface e tomate), “mignon” (pão com filé mignon, duas fatias de queijo, alface e tomate) e, para fechar, o que vem tudo e por, isso, recebe esse nome. Neste vai pão, hambúrguer de ponta de peito, filé de frango, ovo, duas salsichas, calabresa, bacon, milho, batata palha, alface e tomate.

De entrada, antes dos lanches, são servidas porções individuais de batatas fritas. Para acompanhar dois molhos, de alho e de alho com temperos.

Sucesso total - O primeiro rodízio “valendo” aconteceu na quarta-feira passada (17) e superou todas as expectativas, já que a única divulgação feita foi pelo Facebook e por meio do “boca a boca”.

Quem garante é um dos sócios, o administrador Márcio Ferreira de Castro, de 35 anos. “Nós compramos 3,5 mil pães e acabou”, conta, ao comentar que o local, que comporta 140 pessoas em 35 mesas, ficou lotado e, por isso, muita gente ficou do lado de fora ou desistiu de esperar por conta da demora que pegou a todos de surpresa, inclusive o chapeiro, que não esperava trabalhar tanto.

A situação refletiu na avaliação feita por clientes no Facebook. Na página da lanchonete, uma mulher chegou a dizer que estava completamente insatisfeita porque ficou esperando 1h20 para comer. Mas os comentários positivos .superavamos negativos. Quem foi, gostou, elogiou e saiu recomendando.

O empreedimento, pelo visto, caiu no gosto dos clientes. Márcio comemora com os sócios, o jornalista, teólogo e músico Wanderson Gomes Machado, 38 anos, e o economista Lucas Amstalden, de 29.

Os três sempre quiseram ter um negócio próprio. Um dia, sentaram, colocaram os planos no papel, se uniram e fizeram do sonho uma realidade. A ideia, a princípio, era fazer um lanchonete comum.

Na cozinha, equipe se divide para preparar. (Foto: Alcides Neto)Na cozinha, equipe se divide para preparar. (Foto: Alcides Neto)
E chapeiro finaliza os pedidos. (Foto: Alcides Neto)E chapeiro finaliza os pedidos. (Foto: Alcides Neto)

A inovação ficaria nas porções de hambúrgueres, mas daí surgiu a ideia do rodízio. Como o negócio está na moda, o trio não pensou duas vezes.

"Fizemos primeiro para amigo. Deu umas 80 pessoas, mas quando abrimos para o público todas as meses ficaram cheias", diz Wanderson. Ele já trabalhou na área, como gerente de lanchonete e, por isso, se necessário, coloca a mão na massa.

"Eu sou quem executa mais as coisas do dia a dia. O Lucas é o mais pensador, mas nós três somos bem envolvidos", comenta.

Além do rodízio, carro-chefe do empreendimento, tem as porções individuais e as bebidas. Todos os lanches, inclusive os que compõe o rodízio, são vendidos separadamente e em tamanhos normais. O preço varia de R$ 7,90 a R$ 22,90.

Os tradicionais tem hambúrgueres de 116 gramas. Os Premium somam 232. Todos, no entanto, são feitos na própria lanchonete. "Moemos a carne aqui mesmo. É tudo artesanal, de fabricação própria", esclarece Márcio.

Espaço comporta mais de 100 pessoas. (Foto: Alcides Neto)Espaço comporta mais de 100 pessoas. (Foto: Alcides Neto)

Serviço – O rodízio de mini-lanches custa R$ 21,50 por pessoa. Criança de até 6 anos não paga. Acima dessa idade, até 11 anos, paga metade. O serviço só é oferecido às quartas-feiras.

A lanchonete, que recebeu o nome de Yankees, fica na Rua Padre João Crippa, 2243, esquina com a Abraão Júlio Rahe (atrás da Igreja Universal da Avenida Mato Grosso e perto da Unigran Capital), no bairro São Francisco, em Campo Grande.

O estabelecimento abre todos os dias, a partir das 17h. Possui banheiro feminino, masculino e adaptado, além de fraldário e um playgroud para as crianças.

Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3309-6161 ou pelo Facebook.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.