A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

12/01/2015 06:34

Para variar cardápio, que tal provar mortadela sem carne e coxinha de soja?

Elverson Cardozo
A glutadela, mortadela à base de glútem, 100% vegetal. (Foto: Alcides Neto)A glutadela, mortadela à base de glútem, 100% vegetal. (Foto: Alcides Neto)

Seu paladar é resistente a novos sabores ou você experimenta “de tudo”? Hoje o Lado B fala dos alimentos embutidos e fritos que integram a alimentação dos veganos e apresenta algumas sugestões.

Veja Mais
Manga Park comemora 1 ano com descontos, música ao vivo e atrações para crianças
Bar serve comida alemã e cliente ainda pode conhecer fábrica de cerveja

Gosta de mortadela? Que tal provar a glutadela? O produto, que é 100% vegetal, é feito à base de glútem (daí o nome). Na composição também tem mandioca, corante vermelho e especiarias.

Alguns dizem que o gosto é semelhante ao da mortadela comum. Outros, no entanto, notam diferença acentuada. “Divide opinião. Tem clientes que amam. Outros não gostam”, comenta a empresária Raquel Almada, de 35 anos, proprietária de uma loja de produtos naturais no centro.

Ela trabalha com a glutadela da marca Schillife. A unidade, de 500 gramas, custa R$ 14,90. A marca fabrica o embutido na versão tradicional e com sabores: de pequi, pimenta e até castanha de caju.

Além da mortadela, também tem presunto natural e defumado, mas sem ingredientes de origem animal.

Salgadinhos fritos. (Foto: Alcides Neto)Salgadinhos fritos. (Foto: Alcides Neto)

“É sem ovo, carne, leite. É feito com soja. É bem saborosa. A única diferença é a textura. O presunto não pode ser fatiado fininho, na máquina. Tem que ser mais grosso e na faca”, explica Raquel.

E as formas de consumo são variadas. “Dá para fazer lanche e deixar na chapa para dar uma tostadinha, pode usar em lasanha, saladas, recheios de pizzas”. Como é um produto diferenciado, o preço não é tão acessível, se comparado aos comuns, encontrados no supermercados.

Na loja dela, o de 300 gramas, do tipo natural, sai a R$ 16,50, enquanto o de 900 gramas custa R$ 36,00. Defumado é mais barato: R$ 13,50 (300 gramas) e R$ 32,00 (900 gramas).

A diferença de um para o outro – do natural para o defumado – é, segundo ela, “o gosto mais acentuado”. Entre os embutidos também tem as salchichas. Renata prefere vender as da marca Goshen que, na avaliação dela, são mais saborosas. “São de soja. Não tem leite de ovos”, diz.

Salsicha é feita com soja. (Foto: Alcides Neto)Salsicha é feita com soja. (Foto: Alcides Neto)

O sabor, diferente da glutadela, costuma agradar. Tem gente, afirma, que nem percebe. E o melhor de tudo isso, ressalta, é que o produto é mais saudável, tem baixa quantidade de gordura e é pouco calórico.

Mas o preço... Vai lá nas alturas. Um quilo custa R$ 42,00, contra uma média R$ 7,00, da salsicha comum, vendida em supermercados.

Além dos embutidos, tem as frituras. A empresária vende salgadinhos congelados, da mesma marca. Na lista tem kibe e coxinha, com recheios de soja no lugar da carne. Os quitutes não tem nada de origem animal e são ricos em proteínas.


Uma caixinha de kibe (300 g) sai a R$ 14,50. A mesma quantidade de coxinha é vendida a R$ 19,50.

Serviço – Os produtos citados nesta matéria podem ser encontrados na loja Viva Natural, que fica na Rua 15 de Novembro, 527, no Centro de Campo Grande. O local funciona de segunda a quinta, das 8h às 18h e, na sexta, das 8h às 17h.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.