A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

10/08/2015 11:52

Empresas são autuadas em R$ 50 mil por transporte ilegal de agrotóxicos

Liana Feitosa
Os produtos estavam em uma carreta do tipo baú que cumpria itinerário de Paulínia (SP) a Cuiabá (MT). O flagrante foi feito durante fiscalização da PMA. (Foto: Divulgação/ PMA)Os produtos estavam em uma carreta do tipo baú que cumpria itinerário de Paulínia (SP) a Cuiabá (MT). O flagrante foi feito durante fiscalização da PMA. (Foto: Divulgação/ PMA)

Duas empresas, uma transportadora e outra que comprou os produtos, foram multadas em R$ 50 mil cada uma neste domingo (9) pela PMA (Polícia Militar Ambiental) de Costa Rica devido a transporte ilegal de agrotóxicos. Os produtos estavam sem licença ambiental.

Veja Mais
Temporais dão trégua de 4 dias, mas voltam na quarta-feira, prevê Inmet
Primeira maratona do país com foco em saneamento é realizada na Capital

Ao todo, 990 galões de 20 litros do agrotóxico e 256 caixas do produto, com 5 kg cada uma, estavam sendo transportadas na rodovia MS-306, no trevo de acesso à cidade de Costa Rica.

Os produtos estavam em uma carreta do tipo baú que cumpria itinerário de Paulínia (SP) a Cuiabá (MT). O flagrante foi feito durante fiscalização da PMA.

A carreta pertencente a uma empresa transportadora cuja sede fica em Campinas (SP). Os produtos eram de propriedade de outra empresa com sede em Cuiabá (MT). Ambas foram autuadas administrativamente e multadas, totalizando R$ 100 mil de penalidade.

O produto perigoso e o veículo apreendidos foram encaminhados à delegacia de Polícia Civil de Costa Rica. Os responsáveis pelas empresas responderão por crime ambiental e poderão pegar pena de uma a quatro anos meses de reclusão.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions