A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

30/06/2013 19:40

Homem posta no facebook foto de abate de onça e é multado em 10 mil

Nadyenka Castro
Foto postada no facebook pelo infrator. (Foto: Divulgação)Foto postada no facebook pelo infrator. (Foto: Divulgação)

Um morador de Sete Quedas, município que fica a 471 quilômetros de Campo Grande, foi multado em R$ 10 mil por crime ambiental, após postar uma foto no facebook de abate de onça-pintada.

Veja Mais
Em 7 dias, choveu 56% do esperado para o mês em município do interior
Quinta-feira de tempo instável, com chuvas durante todo o dia e máxima de 37ºC

A PMA (Polícia Militar Ambiental), em Mundo Novo, viu na rede social a foto de um usuário que afirmava ter abatido o animal. A imagem postada no dia 18 deste mês mostra o rapaz com uma espingarda calibre 12, ao lado da onça-pintada.

O rapaz foi identificado e neste domingo policiais foram à casa dele. Os militares foram recebidos pela mãe do jovem, que disse que o filho estava em viagem e assinou o auto de infração.

O caso foi encaminhado para a Polícia Civil de Sete Quedas, que irá apurar crime ambiental e a procedência da arma. Confirmado o crime, o rapaz poderá pegar pena de seis meses a um ano e meio de detenção.

Esta é a segunda autuação a pessoas que se expõem cometendo crimes ambientais em redes sociais. No dia 13 de fevereiro, Policiais Militares Ambientais de Jardim autuaram cinco pescadores que haviam praticado pesca predatória no Estado.




Se um animal está matando bezerros e colocando pessoas em risco, que chamem o IBAMA ou diversas ongs que trabalham no Pantanal para tentar capturar a onça e colocá-la em outro lugar. Falar que a onça estava colocando pessoas em risco é piada, conheço vários pantaneiros que aprenderam a lidar com os animais da região e não precisam tomar atitudes covardes como essas. Se não sabe viver de forma integrada com a natureza, que mude para uma cidade.
 
Andre Pasqualini em 07/07/2013 23:19:19
Multas mais alta e leis mais severas p/ esse tipo de crueldade ambiental, realmente Sr. Samira Alves, nada faz um ser humano o direito de matar um animal. Fazer que preste mesmo serviços para polícia ambiental, p/ ver o que pode acontecer sem as espécies que estão desaparecendo; aprender um pouco sobre o meio ambiente sem ter a “ignorância” e muito menos o egoísmo de ver o próprio umbigo Sr. Gilson Dias.
 
Ly Souza em 03/07/2013 11:46:56
A multa deveria mesmo ser bem mais alta e o individuo deveria ainda prestar serviço na policia ambiental,por que ,como vamos repor essa espécie?
 
odete fiorda em 02/07/2013 14:01:03
Nada, absolutamente nada, faz um ser humano direito de matar um animal.. agora vem falar que so porque matou os gados ele mode matar um animal, se ta morando no meio do mato é porque quer e sabe muito bem as consequencias, tem que multar mesmo... quem ta sendo animal é ele de matar um animal silvestre e ainda por cima em extinçao.
 
samira alves em 02/07/2013 10:46:30
Caro leitor Gilson Dias. Como você sabe que esta onça abatida matou vinte vacas e colocou em risco pessos de uma fazenda? Lembro que a conhecida Lei de Crimes Ambientais permite a captura de um animal silvestre (vivo ou morto) em caso deste estar causando prejuízos à pecuária ou à segurança de pessoas, desde que previamente autorizada pelo órgão competente, como o ICMBio. As pessoas ocupam o ambiente natural da onça, alterando seu habitat e diminuindo sua área de vida e suas presas, e assim, é claro que ela prefere caçar o que é mais fácil. O ser humano é mais uma espécie animal que por suas características são mais competitivos e assim extinguem outros seres, esquecendo que fazemos parte do mesmo ambiente, mesmo ecossistema, mesma biosfera.
 
Edmur Lavezo Gomes - IMASUL em 01/07/2013 15:44:46
A multa tem de ser muito maior e a cadeia também. Se a onça estava matando bois ou seja lá o que, matasse e não ficasse se exibindo na internet. Quis aparecer, se ferrou, e pouco.
 
Ivan Pereira em 01/07/2013 15:39:42
Caro Gilson Dias, a partir do momento que a pessoa tem uma fazenda localizada no pantanal, região amazônica ou perto de mata atlântica sabe que corre o risco de perder algumas cabeças de gado pois invadiram o HABITAT NATURAL destes animais, portanto não venha vomitar absurdos que as pessoas em primeiro lugar, pq afinal quem invadiu o território das onças foram os seres humanos.
Segundo, o fazendeiro têm que aprender a contabilizar as perdas naturais (nisso eu incluo a predação) na hora de impor um preço a se gado, e + ou - 20 cabeças de gado não vao fazer um produtor morrer de fome.
Ahhh menos hipocrisia meu senhor!
 
Rhaisa Figueira em 01/07/2013 15:06:49
DEPOIS DE TER ABTIDO +- 20 VACAS E COLOCAR EM RISCO AS PESSOAS DA FAZENDA ...O ANIMAL FOI ABATIDO .....AS PESSOAS SAO EM PRIMEIRO LUGAR ....NO MUNDO INTEIRO MORREM MILHA
RES DE PESSOAS E NINGUEM SE IMPORTA....ONDE NOS VAMOS PARAR
 
GILSON DIAS em 01/07/2013 11:55:38
Nossa que multa ridícula, por isso os crimes ambientais só fazem aumentar. Precisamos de multas mais duras contra idiotas que fazem da natureza seu bel prazer. Quanta gente babaca!
 
Rhaisa Figueira em 01/07/2013 11:27:56
Aposto que nem foi ele que capturou o felino.. só quis se aparecer para os amigos e o tiro da sua espingarda saiu pela culatra.
 
Lucas da Silva em 01/07/2013 10:40:34
Crime ambiental não é inafiançável?
 
Ana Cristina em 01/07/2013 09:14:39
Vai palhaço......acha bonito isso né....essa multa ainda foi pequena.............
 
Rozalia leite em 01/07/2013 08:52:07
Tenho duvidas!! sempre vejo coisas erradas no transito de Campo Grande, se eu tirar uma foto que identifique a placa o carro pode ser multado?? Se eu estiver indo para Corumba e encontrar um animal M O R T O na pista ( o que é bastante normal) e retirar uma unha por exemplo (tamanduá ) posso ser multado? Com a resposta os entendidos em leis.
 
Alex André de Souza em 01/07/2013 08:37:45
Além de criminoso, é burro!
 
Francisco Oliveira em 01/07/2013 08:11:50
Acho que o maior drama dessa onça foi ser morta por um idiota desses, aliás os seus amigos que curtiram e comentaram idiotices também deveriam ser punidos por apologia ao crime ambiental.
 
Mathias Hanns em 01/07/2013 08:03:33
Foi a mãe do infrator quem assinou o auto de infração? Bom, se o cara for menor infrator, para não dizer outra coisa, beleza. Se for criminalmente capaz de responder pelo ato praticado, vai recorrer da penalidade imposta, e, infelizmente terá grande chance de sair ileso, pelo menos em relação a penalidade pecuniária.
 
Fernando Silva em 30/06/2013 20:45:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions