A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

16/09/2015 12:13

Levantamento mostra 87% de aprovação do serviço de água e esgoto da Capital

Liana Feitosa
Hoje, 99,7% da Capital conta com água tratada. (Foto: Divulgação/ Águas Guariroba)Hoje, 99,7% da Capital conta com água tratada. (Foto: Divulgação/ Águas Guariroba)

Para saber o índice de satisfação da população de Campo Grande, a concessionária Águas Guariroba, responsável pelos serviço de água e esgoto na Capital, realizou pesquisa de satisfação entre os meses de julho e agosto deste ano. Segundo o levantamento, 87% da população aprovam o desempenho da empresa e o classificam como ótimo ou bom.

Veja Mais
Jiboia de 1,5 metro é encontrada dentro de armário no Monte Líbano
Sucuri de 4 metros é encontrada em hotel, enrolada a filhote de cachorro

Por outro lado, 13% dos entrevistados afirmaram nunca ter feito limpeza da caixa d’água de casa.

A pesquisa foi feita por amostragem, através da aplicação questionários domiciliares nos bairros de todas as regiões urbanas da Capital. Para 94% dos moradores afirmaram que o abastecimento de água “funciona bem" e, por isso, esse figura entre os serviços públicos que mais satisfaz a população.

Índice - Hoje, 99,7% da Capital conta com água tratada, segundo a concessionária. Esse bem é captado de fontes subterrâneas e superficiais, nas represas dos córregos Guariroba e Lageado. Ainda de acordo com a empresa, Campo Grande tem potencial de produção de água 30% maior do que a demanda.

Por isso, o fornecimento não é prejudicado mesmo em períodos de alto consumo, como o calor e a estiagem. O sistema de abastecimento é automatizado e monitorado em tempo real através do CCO (Centro de Controle Operacional), o que diminui índices de perda e desperdício de água que, aqui, é de 19%, bem abaixo da média nacional, que é de 37%.

A qualidade da água também tem alto índice de aprovação, 87% de classificação entre ótimo ou bom. Para manter a qualidade da água, há monitoramento mensal em laboratório, com análise, em média, de 3.500 amostras coletadas em toda a cidade.

Esgoto - Ainda de acordo com o levantamento, 84% dos moradores classificam o serviço de esgotamento sanitário como bom ou ótimo. Atualmente, 75% da população tem acesso à rede de esgoto e 100% do que é coletado é tratado antes de voltar para o meio ambiente.

Ainda segundo a empresa, o programa Sanear Morena 3 prevê investimentos de R$ 636 milhões para possibilitar acesso total da cidade ao sistema de coleta e tratamento até 2025.

A pesquisa aponta ainda que a população está mais consciente sobre a importância do saneamento. O percentual que considera importante o serviço de esgoto é de 97% - principalmente por livrar do incômodo da fossa, trazer ganhos de saúde e melhorias para o ambiente em que se vive.

Os entrevistados também mostraram preocupação com o desperdício. Na pesquisa, 92% afirmam fechar a torneira enquanto lavam a louça, 73% dizem que mantém o chuveiro desligado enquanto se ensaboam e 68% afirmam que reaproveitam ou doam o óleo de cozinha usado ao invés de descartar no esgoto ou na natureza.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions