A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

29/08/2016 22:56

Projeto da UFGD cria "hotel de abelhas" para preservar a espécie

Nyelder Rodrigues
Hotel é feito em madeiras e visa preservar espécies (Foto: Divulgação/UFGD)"Hotel" é feito em madeiras e visa preservar espécies (Foto: Divulgação/UFGD)

Um "hotel de abelhas" foi criado em projeto da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) como um método de preservação de abelhas e vespas solitárias, que em todo o mundo vem diminuindo e causando preocupação em biólogos e demais profissionais da área ambiental.

Veja Mais
Fim de semana em MS terá tempo instável com possibilidade de chuva
Quatro cidades de MS estão entre as 100 que mais desmatam florestas

Importantes na reprodução de plantas, ao carregarem o polén, a extinção de abelhas e vespas traria dados sérios à natureza, colocando em risco a diversidade biológica de vários locais.

"As populações de abelhas estão diminuindo e oferecer residências a elas serviria como incentivo à polinização das plantas do entorno", explica o professor doutor da FCBA (Faculdade de Ciências Biológicas e Ambientais), Samuel Boff, coordenador do projeto.

Além disso, Samuel indica que a instalação dessas residências também permite o retorno das abelhas ao ambiente, sendo uma importante prática para produtores rurais que dependem de abelhas como polinizadoras.

Dentre as atividades que prejudicam as abelhas estão o desmatamento, a monocultura e o uso de pesticidas em lavouras. Entre 70% a 80% das plantas com flores dependem das abelhas - que somam mais de 20 mil espécies, 80% delas solitárias 0 para produzir frutos e sementes.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions