A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

04/02/2015 14:29

Servidor da prefeitura de Corguinho é preso por vender pescado ilegal

Filipe Prado
O servidor tentou vender o pescado ilegal para dois policiais (Foto: Divulgação)O servidor tentou vender o pescado ilegal para dois policiais (Foto: Divulgação)

Um servidor público da Prefeitura Municipal de Corguinho, a 88 quilômetros de Campo Grande, foi preso na tarde de ontem (3), depois de tentar vender pescado ilegal, capturado em época de piracema, para dois policiais militares ambientais.

Veja Mais
Fim de semana terá sol, mas ‘chuvas de verão’ continuam até terça-feira
Com calor acima dos 39°C, Porto Murtinho volta a ser a mais quente do país

De acordo com o assessoria de imprensa do PMA (Policia Militar Ambiental), dois policiais estavam de folga no município, quando o servidor, de 49 anos, que não teve a sua identidade revelada, ofereceu os peixes.

Os policiais afirmaram que iam comprar 30kg do pescado. O servidor saiu para buscar a encomenda e minutos depois voltou pilotando uma motocicleta, com os peixes, da espécie pintado, presos ao veículo.

Ao entregar o pescado, os policiais deram voz de prisão ao servidor e apreenderam a moto e o peixe, que foi capturado durante a época da piracema.

Ele foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca e armazenamento de produto da pesca predatória. Ele terá que pagar uma multa de R$ 2.080 mil e, se condenado, pode pegar pena de um a três anos de prisão.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions