A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

03/10/2013 10:12

Usina sulcroenergética é multada por construir valeta em área de preservação

Viviane Oliveira

Duas propriedades rurais próximas ao quilômetro 131 da BR 267, no município de Nova Alvorada do Sul, foram multadas pela PMA (Polícia Militar Ambiental) por construir valetas para drenagem de áreas de várzeas sem autorização ambiental.

Veja Mais
Cidade tem manhã chuvosa, mas volume continua abaixo da média
Clima chuvoso e com máxima de 36ºC nesta sexta-feira em MS

A primeira propriedade, que pertence a uma usina sulcroenergética, realizava valetas para secar o brejo para o plantio de cana-de-açúcar. Apesar de conservação do solo observada na região, a drenagem com valetas era realizada em área de 4 hectares, em área de preservação permanente. A empresa foi autuada em R$ 60 mil.

Próxima dessa propriedade, outra empresa foi autuada e multada em R$ 70 mil também por construir valetas para drenagem da área de várzea. 

As atividades foram paralisadas em ambos os locais e as empresas autuadas foram notificadas a apresentarem plano de recuperação da área degradada, junto ao órgão ambiental. Os responsáveis também responderão por crime ambiental por destruir área de preservação permanente. A pena para este crime é de um a três anos de detenção.

Como não havia nenhum gerente no local e nem os proprietários, eles receberão as notificações em domicílio.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions