A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

30/10/2016 17:50

Marquinhos Trad é eleito novo prefeito de Campo Grande

Ricardo Campos Jr.
Marquinhos ao votar pela manhã em Campo Grande (Foto: Alcides Neto)Marquinhos ao votar pela manhã em Campo Grande (Foto: Alcides Neto)

Marquinhos Trad (PSD) venceu o segundo turno das eleições, tornando-se o novo prefeito de Campo Grande. A vitória foi confirmada às 17h45 com 96,38% das urnas apuradas, enquanto ele tinha 58,74% dos votos válidos, o que corresponde à preferência de 233.089 pessoas. A adversária dele, Rose Modesto (PSDB) tinha 163,751 votos, o que corresponde a 41,26% dos votos válidos.

Veja Mais
Para senadores do MS, afastamento de Renan não muda ritmo de trabalho
Promotora diz sofrer retaliação por avançar em processo contra Ruiter

Brancos e nulos somavam 10,97%. Outras 127.884 pessoas deixaram de comparecer às urnas neste domingo (30).

Cerca de 60 pessoas torciam pelo candidato no TRE durante a apuração. Empunhando bandeiras e cantando o jingle da campanha, eles comemoravam a vitória quando a atualização mostrou que ele não poderia mais ser alcançado por Modesto, já que faltavam apenas 21.559 votos para serem verificados e ela estava a 63.338 votos atrás dele.

Perfil – Filho do deputado federal Nelson Trad e da professora Therezinha Mandetta Trad, formou-se em direito pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) há mais de 20 anos. Exercendo a profissão, já atuou como conselheiro estadual da OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil Seccional de Mato Grosso do Sul) e presidente da Comissão de Ética e Disciplina da entidade.

Também foi diretor do antigo Instituto Meritum do estado, integrou a diretoria jurídica do Rádio Clube de Campo Grande, foi secretário de Assuntos Fundiários do município e presidente do Tribunal de Justiça Desportiva Estadual.

Deu aulas nos cursos de direito da UCDB, Estácio de Sá, Facsul e foi titular dos cursos de pós-graduação da Uniderp e Unaes.

A carreira política de Marquinhos começou em 2004, quando se candidatou a vereador e foi eleito com 11.045 votos, o maior índice da época. Em 2006 foi eleito deputado estadual com 35.777 votos e reeleito em 2010 e em 2014.

Para senadores do MS, afastamento de Renan não muda ritmo de trabalho
Apesar do STF (Supremo Tribunal Federal) ter afastado hoje (5) o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), os senadores sul-mato-grossenses Wa...
Temer pede apoio do Congresso a projeto de idade mínima da aposentadoria
O presidente Michel Temer defendeu a adoção de uma idade mínima para que a aposentadoria continue a ser paga aos trabalhadores nesta e nas próximas g...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions