A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 30 de Julho de 2016

22/03/2016 10:14

Colheita de soja continua atrasada e chega a 84,3% das lavouras de MS

Renata Volpe Haddad
Mais de 84% das lavouras de soja já foram colhidas em Mato Grosso do Sul. (Foto: Eliel Oliveira)Mais de 84% das lavouras de soja já foram colhidas em Mato Grosso do Sul. (Foto: Eliel Oliveira)

A colheita de soja em Mato Grosso do Sul já atingiu 84,3% das lavouras e os municípios de Amambai, Aral Moreira, Douradina, Fátima do Sul, Laguna Carapã, Naviraí e Vicentina já concluíram a colheita, de acordo com levantamento do Siga/MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio) da Aprosoja (Associação dos Produtores de Soja).

Veja Mais
Brasil deve atingir recorde e produzir de 99,7 milhões de toneladas de soja
Mesmo com atraso na colheita de soja, não há projeção na quebra de safra

Porém, em comparação com as últimas três safras, tanto na região Sudoeste/Sudeste quanto a região Centro/Norte, continuam atualmente atrasadas, sendo que em comparação com a safra de 2014/15, a porcentagem de atraso é de 11%, principalmente na região Norte.

Segundo o Siga/MS, o atraso deve-se as condições climáticas desfavoráveis que direta ou indiretamente afetaram todas as fases do ciclo do grão.

Durante a última semana, as chuvas deram uma trégua, contribuindo para uma evolução de 11,5% na colheita, ou seja, mais de 275 mil hectares foram colhidos de 11 a 18 de março.

Perdas – Ainda conforme o levantamento do Siga/MS, os produtores de Nova Alvorada do Sul, Rio Brilhante, Sidrolândia, Campo Grande, Maracaju, Dourados, Ponta Porã, Jardim, Bonito, Amambai, Aral Moreira, Caarapó, Laguna Carapã, Fátima do Sul, Naviraí e Vicentina, estimam perdas devido às chuvas, porém os valores ainda estão sendo levantados.

Dourados, Maracaju, Amambai, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Laguna Carapã, Rio Brilhante e Nova Alvorada do Sul, são os municípios mais prejudicados em relação ao escoamento dos grãos, já que rodovias, estradas vicinais e até acessos as propriedades rurais foram comprometidos, devido as chuvas em dezembro e janeiro.

Em comparação com a safra 2014/15, atraso de colheita nesta safra chega a 11%. (Foto: Eliel Oliveira)Em comparação com a safra 2014/15, atraso de colheita nesta safra chega a 11%. (Foto: Eliel Oliveira)

Milho safrinha – A evolução na última semana do plantio do milho safrinha, foi de aproximadamente 14% para o Estado, ou seja, cerca de 250 mil hectares foram plantados neste período. O levantamento do Siga/MS mostra que 74,9% da área de milho em Mato Grosso do Sul já foi plantada. Porém, 25% da área de milho ainda não foi semeada.

A região Sul, está com o plantio mais avançado, chegando a 81,3%, enquanto a região Central está com 64,2% da área semeada, seguido do Norte do Estado, com 52,2% da área plantada. Amambai, Douradina, Fátima do Sul, Laguna Carapã, Naviraí e Vicentina estão com aproximadamente 95% de área plantada.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions