A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

12/06/2010 08:22

Em busca de status, PR barra caminhão boiadeiro de MS

Redação

Na corrida pelo status de área livre de febre aftosa sem vacinação, condição que hoje somente Santa Catarina tem, o Estado do Paraná está barrando caminhões boiadeiros que saem de Mato Grosso do Sul sem a limpeza de gailoas, segundo denunciam transportadores.

Proprietário da empresa Transfutura, Walter Bernardo, conta que precisou desviar a rota de um de seus caminhões em 150 quilômetros na noite de ontem depois que fiscais agropecuários do posto de Guaíra, na divisa do Paraná com Mato Grosso do Sul, disseram que ele não poderia passar sem fazer a limpeza da gaiola.

"Eu já tinha carregado animais no Rio Grande do Sul, descarregado no Mato Grosso e em Eldorado", afirma. Segundo ele, a intenção era voltar para o Sul, para fazer um novo carregamento.

Walter questiona a exigência da retirada do esterco da gaiola vazia enquanto as que têm animais contém os mesmos dejetos passam livremente. Ele alega, ainda, que os fiscais atacaram o sistema sanitário de Mato Grosso do Sul. "O tempo todo trataram o Mato Grosso do Sul como um Estado que não cumpre a legislação e não tem capacidade de se ver livre da febre aftosa", diz. Segundo Walter Bernardo, os técnicos da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) acompanharam o caso.

Hoje tanto o Mato Grosso do Sul quanto o Paraná são estados livres de febre aftosa com vacinação. Em Mato Grosso do Sul o último foco de aftosa ocorreu em 2005, assim como no estado vizinho.

Nos anos seguintes as ações sanitárias foram consideradas bem sucedidas e Mato Grosso do Sul retomou vários mercados importantes para exportação de carne bovina, dentre eles a Europa. A reportagem tentou entrar em contato com o escritório da Seab (Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento),de Guaíra, mas não conseguiu. No escritório da Iagro de Mundo Novo, foi informado apenas que o relatório das atividades do plantão deve ser repassado na próxima segunda-feira.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions