A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

27/01/2013 12:21

BR-163 continua interditada e deve ser liberada dentro de cinco dias

Viviane Oliveira
A rodovia está interditada desde às 8 horas de ontem (26).  (Foto: Agora MT)A rodovia está interditada desde às 8 horas de ontem (26). (Foto: Agora MT)

Continua interditada a rodovia BR-163 no trecho que liga Rondonópolis (MT) a Campo Grande. Uma queda de barreira interditou a rodovia na manhã deste sábado (27) em Itiquira, a 46 quilômetros de Mato Grosso do Sul. De acordo a equipe de manutenção serão necessários de três a cinco dias para que a pista volte a ter condições de tráfego.

Veja Mais
Queda de barreira interdita BR-163 a 46 km de MS; PRF divulga rotas
Motociclista bate em muro de loja ao tentar ultrapassar veículo no Centro

A interdição foi motivada por uma forte enxurrada que acabou destruindo 20 metros de pista da rodovia. Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal) os motoristas devem evitar se dirigir ao local, os desvios indicados também já apresentam problemas, pois o trânsito pesado de carretas começou a criar pontos onde carros e veículos pesados estão ficando atolados.

De acordo com a Polícia Militar, no município de Itiquira (MT) não é possível passar pelo desvio que está sendo feito pela cidade , pois o mesmo já apresenta pontos de atolamento e com a volta das chuvas a situação tende a piorar.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) divulgou caminhos alternativos. Para quem sai de Campo Grande com destino ao MT, a rota pode ser desviada na altura do km 575 da BR-163 (Posto São Pedro).

O condutor entra na a BR-060, seguindo sentido Camapuã/MS, posteriormente, Jataí (GO) e em seguida Rondonópolis (MT). A viagem aumenta 264 km com o desvio por Camapuã / Chapadão do Céu e Alto Taquari. Somente pela BR-163, a viagem de Campo Grande a Rondonópolis é de 484 km.

Uma segunda alternativa é “pegar” a BR-359 em Coxim sentido Alcinópolis, que sai em Alto Taquari, Alto Araguaia e Rondonópolis. Para maiores informações e orientação ligue na Delegacia da PRF em Rondonópolis – (66) 3421-1444.




Liguei na PRF de Rondonopolis e fui informado que já tem meia pista liberado para o tráfego de veiculos. 30/01/2013 as 12:10.
 
Aloyzio Araujo Filho em 30/01/2013 12:17:04
Esta é uma mostra da diferença de um país de 1º mundo por outro, com políticos de 3º mundo...
Quando houve a tsunami que arrasou a costa nordeste do Japão, em março/2011, reconstruíram um estrada de 150 km, parcialmente destruída pelas águas, em 06 (seis) dias.
Aqui, em terra brasilis, para arrumarem pouco mais de 20 metros de rodovia, querem o mesmo prazo??
Só o custo é que com certeza ficará igual.
 
Rodney OSilva em 28/01/2013 09:17:01
Entrando na BR 060 no Posto S. Pedro, rumo a Camapuã, com destino a Rondonópolis, não há necessidade alguma de ir até Jataí - GO.
Sugiro: Posto S. Pedro - Camapuã - Figueirão - Alcinopólis - Baús (pela BR 359 - até a MS 306). De Baús a Alto Taquari - Alto Araguaia - Alto Garças - (descendo a Serra da Petrovina) e alcançando Rondonópolis.
Com certeza vai encurtar caminho.
A segunda alternativa é ir até Coxim e dai pela BR 359 até Baús.
Ou ainda tomando a BR 060 no Posto S. Pedro até Chapadão do Sul e tomar a MS 306 até a Alto Taquari.
Porém, o desvio na BR 163, passando pela cidade de Itiquira apresenta apenas um ponto mais crítico e são apenas 13 km de terra.
 
Juvenal Coelho Ribeiro em 27/01/2013 20:14:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions