A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

03/02/2011 16:43

Andorinha disse que acidente entre ônibus foi por falha humana

Viviane Oliveira

O gerente disse que os dois ônibus eram novos

Os motoristas estão sendo medicados e depois será investigado o que houve no dia do acidente.(Foto: Duilio Ostermani)Os motoristas estão sendo medicados e depois será investigado o que houve no dia do acidente.(Foto: Duilio Ostermani)

O gerente regional da Viação Andorinha, Nelson Conde, o acidente ocorrido na BR- 262 foi provocado por falha humana. Segundo ele, os dois ônibus que colidiram ontem em Miranda eram novos. Informações preliminares indicam que não há possibilidade de ter sido falha mecânica.

Os motoristas ainda estão no hospital e depois será investigado o que houve no dia do acidente.

O gerente não quis dar mais detalhe sobre o caso e não informou o número exato de pessoas que foram feridas.

“Nosso objetivo é cuidar primeiro dos nossos clientes, estamos dando assistência para todos os feridos, depois nós vamos apurar o que aconteceu”, disse o gerente.

Acidente - Os veículos da empresa Andorinha seguiam sentido Corumbá na BR-262 quando um bateu na traseira do outro. Equipes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e do Corpo de Bombeiros de Aquidauana e Corumbá foram ao local. Segundo os bombeiros, 15 pessoas ficaram feridas.

Foi convocado em caráter emergencial todo o efetivo do hospital de Miranda para o atendimento, inclusive os que estavam de folga. Foram cinco ambulâncias, três enfermeiros, quatro técnicos de enfermagem e 3 médicos.

A família do bebê Reina Regina viajava na poltrona da frente do veículo que bateu na traseira. A criança foi arremessada dos braços do pai e morreu na hora.

Os pais, Viviane Cidral Rinco, 23, e Gabriel Angel Fernandes Nerma, 24, ficaram presos nas ferragens. Gabriel, de acordo com informações dos Bombeiros, teve politraumatismos da cintura para baixo e grave lesão no pé, ele foi encaminhado para a Santa Casa de Campo Grande e segundo asessoria corre risco de morte.

As vítimas identificadas até o momento são Eduardo de Freitas Pires, Dalma Neria, Lilian Rose Melo dos Santos, Alva de Fátima Mercedes, Manuel José da Silva, Vanderson Gonçalves, Pedro Miguel dos Anjos e Severina Gomes dos Anjos.

Bebê morre no acidente entre dois ônibus na BR-262 em Miranda
Ainda não há identificação das vítimasFoi confirmada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) a morte de um bebê de aproximadamente 8 meses no acidente...
Acidente entre dois ônibus deixa 1 morto e feridos na BR-262
Acidente entre dois ônibus deixou uma pessoa morta e vários feridos nesta madrugada na BR-262, em Miranda. O acidente ocorreu por volta de 4h30. Os v...



A Policia cobra muito pra usar caderinha nos carros porque nao cobra p/ter caderinhas no Ônibus se o bebe estivesse na caderinha ela nao tinha sido jogada p/ frente eu acho que tinha que verificar as leis.???????
 
EVERTON SOUZA MARTINS em 04/02/2011 08:15:54
A verdade é que a falta de fiscalização do Poder Público sobre as empresas de transporte interestadual, tem facilitado a exploração, pelas empresas, de motoristas que sem condições psicológicos pela fadiga, sono entre outros, são escalados para conduzir veículos lotado de seres humanos, visando apenas o lucro da empresa. Reclamações dos motoristas são comuns a respeito da situação, inclusive que profissionais sem experiência são contratados para tanto, colocando em risco a vida de passageiros. Fica o alerta às autoridades que tem a obrigação de fiscalizar as vias, os veículos e seus condutores, além das empresas de transporte coletivo, visando a segurança do povo.
 
Melo Irmão em 04/02/2011 08:15:13
SR GERENTE DA ANDORINHA, SR NELSON CONDE. PONHA CAMERA FILMANDO AS AÇOES DESTES MOTORISTAS. SOU ESTRADEIRO E JA VI ONIBUS DA SUA EMPRESA NAS RODOVIAS A 140KMS POR HORA...CHEQUE OS DISCOS QUE VC VAI SE ASSUSTAR.
NO CASO DESTE ACIDENTE, OS DOIS ESTAVAM BRINCANDO DE ANDAR COLADO, TIPO TIRANDO RACHA. INVESTIGUE MESMO A FUNDO.
 
LUCIANO MARQUES em 03/02/2011 07:42:45
Há tempos deixeis de viajar pela Andorinha após um amigo que era motorista desta empresa me falar como era a escala de trabalho deles, simplesmente desumana! Ele inúmeras vezes dormia de olhos abertos dirigindo o ônibus lotado de passageiros, tal era o cansaço que sentia em função de não ser possível descansar o suficiente. Consciente da situação este amigo saiu da empresa antes de causar um acidente e ser responsabilizado por matar alguém. Até que este acidente demorou a acontecer.
 
RITA DE CASSIA TORRES em 03/02/2011 07:23:15
Agora é fácil a empresa colocar a culpa em um dos motoristas. Não é porque os carros são novos, que não há possibilidade de existir algum problema mecânico, pois até carros 0km possuem defeitos. Acredito que antes de julgar e falar que foi falha humana, é preciso apurar o que de fato realmente aconteceu. Para isso é necessário periciar também os onibus "novos".
 
Edson Martins em 03/02/2011 07:10:07
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions