A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

13/05/2012 07:42

Obra emergencial tapa buraco e tráfego é normalizado na BR-163

Viviane Oliveira e Mariana Lopes
Buraco de 2,5 metros de profundidade e 9 metros de diâmetro foi tapado provisoriamente. (Foto: Pedro Peralta)Buraco de 2,5 metros de profundidade e 9 metros de diâmetro foi tapado provisoriamente. (Foto: Pedro Peralta)

Foi tapado durante a noite o buraco que se abriu na tarde de ontem (12), após um rompimento de tubulação, que passa de baixo da pista da BR-163, a um quilômetro do perímetro urbano de Bandeirantes, cidade distante 70 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Operários trabalham durante a noite para tapar buraco e liberar a BR-163
Interdição na BR-163 causa congestionamento; obras de emergência começam hoje

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o buraco foi tapado provisoriamente com pedra britada. Nesta segunda-feira será aberta uma ordem de serviço para o trabalho ser concluído definitivamente.

As duas pistas foram liberadas e a PRF continua monitorando o local. Ontem estava passando um veículo por vez pelo acostamento da pista. A Polícia orienta para que os condutores tenham cuidado ao trafegar na rodovia. A corporação continua em alerta e se voltar a chover forte, o tráfego poderá ser interditado.

Interdição - A rodovia chegou a ser interditada quando o problema foi constatado, por volta das 12 horas. O buraco, com 2,5 metros de profundidade e 9 metros de diâmetro, foi aberto no meio da pista após um rompimento de tubulação, que passa debaixo da pista. Com o volume de água, o asfalto acabou cedendo.

Na tarde deste sábado, o congestionamento passou dos dois quilômetros. A estrada dá acesso ao Mato Grosso e é caminho, também, para quem vai e vem para os outros estados do Centro-Oeste e para a região Norte do País. É, ainda, um corredor do transporte de grãos e outros produtos agrícolas, por isso tem um forte tráfego de veículos pesados.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions