A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

10/03/2014 15:30

Carro cai de uma altura de oito metros em rio e casal sai ileso no Centro

Edivaldo Bitencourt e Filipe Prado
Veículo ficou com as rodas viradas para cima após queda (Foto: Marcos Ermínio)Veículo ficou com as rodas viradas para cima após queda (Foto: Marcos Ermínio)

Um veículo perdeu o controle, após ser atingido por um caminhão, e caiu dentro do Rio Anhanduí, no Centro de Campo Grande. O motorista e a mulher, apesar da queda de oito metros, saíram praticamente ilesos do acidente.

Veja Mais
Carro cai em córrego, vítimas são socorridas e curiosos presos por desacato
Motociclistas colidem, caem em córrego e um morre na Capital

Por volta das 14h30, o veículo Scort preto, conduzido por Generino Alves de Sales, 55 anos, e o caminhão da Pedreira Santo Onofre, conduzido por um motorista de 27 anos, que não quis se identificar, trafegavam pela Avenida Ernesto Geisel, no sentido Centro-Bairro.

Generino contou que o caminhão tentou ultrapassá-lo e ele acelerou para continuar no caminho, quando o automóvel foi atingido na traseira, perdeu o controle e caiu dentro do rio.

Além de cair de uma altura de aproximadamente oito metros, segundo o Corpo de Bombeiros, o carro ficou com as rodas para cima dentro do córrego. O casal, Generino e Maria da Luz, 37, saiu andando do carro e subiu sem ajuda em uma escada colocada pelos bombeiros.

O condutor do caminhão disse que deu seta para a direita e o automóvel fazia conversão a esquerda. No entanto, ele conta que só ouviu a batida e o carro despencando no Rio Anhanduí.

Cerca de 50 pessoas acompanham o trabalho dos bombeiros no local. Duas viaturas da corporação estão auxiliando no resgate e orientando o trânsito de veículos. Das três faixas da avenida, uma está interditada no sentido Centro-Bairro na altura do cruzamento com a Rua Brilhante.

Apesar de não ter tido ferimentos, o casal foi encaminhado pelos bombeiros para a Santa Casa de Campo Grande. 

Caminhão que se envolveu em acidente: condutor não quis se identificar (Foto: Marcos Ermínio)Caminhão que se envolveu em acidente: condutor não quis se identificar (Foto: Marcos Ermínio)
Bombeiros interditaram uma das três pistas da Avenida Ernesto Geisel para socorrer as vítimas (Foto: Marcos Ermínio)Bombeiros interditaram uma das três pistas da Avenida Ernesto Geisel para socorrer as vítimas (Foto: Marcos Ermínio)
Carro cai em córrego, vítimas são socorridas e curiosos presos por desacato
Duas pessoas ficaram feridas após um veículo cair dentro do córrego Anhanduizinho, em frente ao Guanandizão por volta da meia-noite de ontem, na Aven...
Motociclistas colidem, caem em córrego e um morre na Capital
Dois motociclistas se envolveram em um acidente e um deles morreu depois de cair no córrego Anhaduizinho, na Avenida Thirson de Almeida, prolongament...



Posso estar equivocado, mas se entendi bem, a culpa foi do motorista do carro. Por quê ele não quis deixar o caminhão ultrapassar? Não se "compete" com veículos de grande porte como caminhões. Se ele não tivesse acelerado não teria havido uma colisão. Ao acelerar enquanto o caminhão fazia sua manobra o motorista do Escort se colocou dentro do ponto cego do caminhão. Dessa forma não havia como o motorista do caminhão saber que ele ia bater no carro. Não até que ele ouviu o som da colisão (e provavelmente sentiu o impacto).
Enfim, não adianta sobre sobre o leite derramado. O importante é que os ocupantes do Escorte e o motorista do caminhão estão todos bem. O resto é resto. Que bom que estão todos bem. :)
 
Michael F. de Godoy em 11/03/2014 20:32:58
CASOS COMO ESSE DE UM CARRO CAIR NO CORREJO PODE SER AMENIZADO SE COLOCAR A PROTEÇÃO GUARNE RAIL, POIS COMO SE SABE SÓ DE RETIRAR O VEÍCULO DE LÁ É CARO DEVIDO AO GUINCHO MUNK. E QUEM DEVE PAGAR É A PREFEITURA, POR DEIXAR O LOCAL SEM PROTEÇÃO.
 
Luiz Carlos Santos Messias em 10/03/2014 22:10:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions