A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

09/06/2014 09:57

Detran cassa ou suspende 7,6 mil carteiras de motoristas no Estado

Helton Verão

O Detran/MS (Departamento Estadual de Trânsito) suspendeu por 12 meses e cassou a carteira de habilitação de 7.682 motoristas nesta segunda-feira. O edital com as punições está no Diário Oficial do Estado de hoje (9). As sanções estão previstas na Portaria 1.060, assinada pelo diretor-presidente do órgão, Carlos Henrique Santos Pereira. 

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

O edital traz o nome de 7.048 motoristas punidos com a suspensão do direito de dirigir por 12 meses porque acumularam 21 pontos ou porque cometeram infração gravíssima com a suspensão automática. Outros 635 tiveram a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) cancelada ou cassada.

De acordo com o órgão, o objetivo é punir condutores infratores, na tentativa de reduzir o número de infrações e como consequência o índice de acidentes de trânsito. A punição de tantos condutores foi possível devido à agilidade dos processos de penalidade, que ocorre desde 2010, por meio digital.

Em janeiro de 2014 a última etapa da digitalização entrou em prática, permitindo a automação na emissão das portarias.

Clique aqui para ver a lista dos condutores que tiveram a habilitação suspensa.

Os condutores notificados têm até 30 dias após o recebimento da correspondência para recorrer. Caso não haja o recebimento da notificação, mas o nome constar na lista, o condutor deve procurar uma Agência do Detran-MS.

Os condutores notificados devem comparecer a uma Agência do Detran-MS mais próxima, incluindo os práticos, para protocolar recurso ou entregar a CNH. Após esse processo, será necessário cumprir um curso de reciclagem disponível no órgão.

O condutor que for flagrado dirigindo com a carteira suspensa poderá ter a CNH cassada.

Em caso de dúvidas os usuários devem entrar em contato pelos telefones 154, na Capital e (67) 3368-0500, no interior do Estado.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions